Concelho

YUPI dinamiza campo de trabalho internacional em parceria com INAC, Casa ao Lado e Teatro da Didascália

A associação juvenil YUPI organizou de 20 a 31 de julho mais uma edição de Campos de Trabalho Internacionais que reuniu 16 jovens de países da União Europeia mas também Hong Kong, Rússia, Tailândia e Índia, para além da equipa da YUPI composta por 6 animadores.

Esta iniciativa é apoiada pelo Instituto Português do Desporto e Juventude e realiza-se anualmente dedicando-se ao trabalho comunitário pelas mãos de jovens de todo o mundo, tendo em edições anteriores sido dedicado à arqueologia, limpeza de estátuas, recuperação de espaços vandalizados, reabilitação de um espaço da Associação Dar as Mãos e no ano passado pela construção de um espaço co-work disponível aos famalicenses que quiserem iniciar um projeto ou negócio com um compromisso ambiental e/ou social: o espaço Casulo na central de camionagem.

Este ano o trabalho desenvolvido foi no campo artístico e de inclusão social numa parceria com o INAC para a compreensão do circo como uma ferramenta de inclusão social e exponenciando os resultados do projeto “Um Por todos”, já desenvolvido pela entidade circense com apoio do Município.

Os jovens e as jovens de diferentes nacionalidades trabalharam a pares com jovens portadores de deficiências da AFPAD e APPACDM e a partir deste trabalho inclusivo, as suas reflexões foram manifestadas através de peças expostas no Festival Vaudeville e com a supervisão da Casa ao Lado.

O grupo também teve a oportunidade de conhecer as 3 cidades onde o Festival decorria, assumindo tarefas de voluntários nos vários eventos que decorreram, sendo uma ajuda preciosa ao desenvolvimento do Festival.

O grupo avaliou de forma muito positiva a sua interação com a comunidade e em especial o trabalho desenvolvido pelo INAC no âmbito do circo inclusivo, levando a boa prática para os seus países assim como o gosto pelas artes circenses, com vontade de regressar a Famalicão pela sua atividade cultural e proximidade de outros interesses culturais.

Previous post

Governo coloca todo o país em estado de alerta devido ao risco de incêndio florestal

Next post

Gabriel renova com o FC Famalicão até 2023

Cidade Hoje