Tribunal condenou ex presidente do G.D.Ribeirão e outros cinco dirigentes 6

Tribunal condenou ex presidente do G.D.Ribeirão e outros cinco dirigentes 7

Está resolvido pelo Tribunal de Famalicão o caso do Grupo Desportivo de Ribeirão. Entre 2007 e 2015 os dirigentes do clube recrutaram 38 jogadores da Guiné-Bissau, Burkina Faso, Nigéria e Brasil sem estarem legalizados. Através desse esquema, o clube lucrava com fuga aos impostos e por não pagar despesas de legalização dos atletas, para além do dinheiro angariado proveniente das transferências destes para outros clubes.

O juiz deu como provado que o ex presidente do Grupo Desportivo de Ribeirão, Adriano Pereira em articulação com mais cinco antigos dirigentes, foram parte interessada e participaram no esquema de angariação de mão de obra ilegal e falsificação de documentos, por isso, acabaram condenados com pensas suspensas.

Dois outros dirigentes foram absolvidos dado a sua “atuação ocasional”, o empresário Adilé Sebastião foi condenado a multa, e o futebolista Ansumane Faty Júnior foi absolvido do crime que estava acusado de falsificação de contrato de trabalho.

Most Popular Topics

Editor Picks