Três universitários famalicenses vencem competição e ajudam Banco Alimentar

Três jovens famalicenses fazem parte de um grupo de estudantes universitários vencedor da segunda edição da competição Eurekathon, no valor de dois mil euros, sendo que 400 euros serão doados a uma ONG.

Além do grupo, com seis estudantes, concorreram ao prémio 200 pessoas. Com os jovens portugueses esteve o Banco Alimentar Contra a Fome, porque o concurso tem por objetivo combater o problema da fome.

A equipa (três jovens da FEUP e três da UM) recorreu a dados do Banco Alimentar e da operadora NOS (uma das promotoras da competição) e a partir daí identificaram o perfil de potenciais doadores e os locais do país onde poderão ser encontrados.

O grupo vencedor, intitulado Hunger Bytes, concluiu que se o Banco Alimentar direcionar as suas campanhas de marketing, recorrendo a SMS e/ou email ou campanhas exclusivas, para determinadas freguesias, conseguirá aumentar, em oito vezes, a capacidade de atingir o potencial doador.

Os famalicenses João Azevedo, Pedro Machado, Guilherme Pinheiro com outros três estudantes (Catarina Leite, Bernardo Franco e Luís Bulhosa), responderam ao desafio da Eurekathon, uma competição que recorre ao uso de dados para incentivar a solução de questões sociais. É promovida pela LTPlabs, pela Porto Business School e pela NOS.

Isabel Jonet, presidente do Banco Alimentar, reconheceu a importância deste desafio. «Muitas vezes, achamos que as instituições de solidariedade social limitam-se a exercer caridade, levando afetos e produtos. Nunca nos lembrando que se trabalharmos dados podemos estar a contribuir para a resolução de um problema», afirmou Isabel Jonet, que elogiou o facto de «alunos recém-formados, em equipa, olharem para um problema que não tem a ver com o seu dia a dia».

A presidente do Banco Alimentar realça esta e outras soluções que foram apresentadas no concurso, que passaram não só por estratégias para aumentar os doadores mas também para ajudar o Banco Alimentar a selecionar de forma mais rápida os beneficiários.