“Territórios Dramáticos” inaugura novo espaço artístico em Famalicão

O “Territórios Dramáticos” está de volta para a segunda edição. Entre 18 e 27 de maio, o município de Vila Nova de Famalicão acolhe aquele que é um observatório anual dedicado à dramaturgia nacional e que tem como objetivo pensar as práticas de criação teatral sedimentadas por todo o país, privilegiando a pluralidade estética e artística. O evento abre a programação do Teatro da Didascália para 2018 e do FAUNA, novo espaço artístico em Joane que será a sede de criação da companhia.

“Territórios Dramáticos” – que decorre no FAUNA e no Centro Cultural da Juventude de Joane (CCJJ), com preços por espetáculo entre os 4 euros e 3 euros (estudantes e maiores de 65 anos) – apresentará espetáculos e diversas atividades paralelas, como conversas, uma oficina de formação e um atelier de jogos e expressão dramática. Destaque para a iniciativa “Cear e Falar” que irá decorrer no final dos espetáculos e cujo objetivo é o de promover o diálogo entre o público e os artistas, sendo sempre acompanhado de vinho verde e iguarias típicas da região da companhia convidada.

A memória e a provocação como construção artística

Em termos programáticos, a edição de 2018 do encontro divide-se em dois temas. O primeiro – “Reescrita da História” – olha para obras desenvolvidas a partir de memórias pessoais e coletivas. Exemplo disso mesmo é o espetáculo site-specific, “Museu da Existência”, da Amarelo Silvestre, que envolve um trabalho prévio com o público, tendo em conta que o espetáculo será construído a partir de objetos de pessoas da comunidade local.

Por outro lado, o segundo tema, “Teatro Fora de Formato”, pretende explorar as performances disruptivas e provocadoras do ponto de vista estético e intelectual, cruzando áreas como a dança, as artes visuais e o património. O espetáculo “Manipula#Som”, da Radar 360º, insere-se neste contexto, sendo um projeto simultaneamente de investigação criativa e pedagógica que une um manipulador de objetos, um malabarista, um sonoplasta, um manipulador de som, um programador e um compositor.

Laboratório experimental e diálogo com a comunidade

O espaço FAUNA, onde agora se insere grande parte da programação do “Territórios Dramáticos”, conta com uma sala não-convencional para a apresentação de espetáculos, rodeada por jardins e floresta, onde serão desenvolvidas e programadas obras em contexto site-specific. O objetivo passa por criar um ponto de encontro dos diferentes públicos no âmbito dos vários projetos transdisciplinares da companhia a nível local e regional, como o circo contemporâneo, o teatro, a música e o património. Um espaço de fruição artística alternativo a espaços culturais mais institucionalizados, o FAUNA será ainda o local privilegiado no que respeita a um trabalho de desenvolvimento continuado dos públicos locais, através de iniciativas regulares de programação e formação.

Famalicão: Jovem atropelado em parque de estacionamento

Um jovem com cerca de 18 anos foi, na noite desta terça-feira, atropelado por um veículo ligeiro, no Parque de Estacionamento do E.Leclerc, nas proximidades do Mc Donald’s, em Famalicão.

A situação aconteceu cerca das 21h15 e para o socorro foram acionados os Bombeiros Voluntários Famalicenses.

A vítima, com ferimentos considerados ligeiros, foi encaminhada para o Hospital de Famalicão.

Fradelos: Valdossos vence concurso de Galheiros 2024

O galheiro de Valdossos foi o vencedor da edição 2024 do concurso de galheiros, na freguesia de Fradelos, em Vila Nova de Famalicão.

O anuncio do vencedor foi feito pela Koklus, associação organizadora, esta terça-feira.

A concurso estavam ainda outros três galheiros.

Famalicão: Número de desempregados está a descer no concelho

O ano de 2024 iniciou com uma ligeira descida do número de desempregados inscritos no Centro de Emprego de Famalicão.

Segundo os dados mais recentes, divulgados pelo Instituto de Emprego e Formação Profissional, Famalicão registou em janeiro 3 746 desempregados, sendo que a grande maioria são mulheres (2 214).

Em dezembro, o concelho registava 3 796 desempregados, mais 50 que agora.

 

 

Famalicão: Faleceu Sérgio Azevedo dos Bombeiros de Riba d’Ave aos 41 anos

Os Bombeiros Voluntários de Riba d’Ave encontra-se em luto pelo falecimento do colega Sérgio Azevedo. Aos 41 anos de idade, Sérgio morreu esta terça-feira, dia 20 de fevereiro, no Hospital de Braga, onde estava internado vítima de doença prolongada.

Sérgio Azevedo, natural de Riba d’Ave, carregava consigo o legado familiar de serviço à comunidade. Influenciado pelo exemplo do seu pai, também ele bombeiro, vestiu a farda dos soldados da paz daquela vila famalicense desde tenra idade.

Para além de bombeiro, Sérgio destacou-se também como um homem de causas sociais. Desde a fundação da associação HumanitAVE, na freguesia de Pedome, colaborou ativamente, dedicando o seu tempo e esforço para ajudar os que mais precisavam.

As cerimónias fúnebres estão marcadas para esta quinta-feira. O corpo do bombeiro estará em câmara ardente, esta quarta-feira, no quartel de Riba d’Ave, onde colegas, amigos e familiares poderão prestar-lhe as últimas homenagens.

Famalicão: Sub-23 vencem Gil Vicente e mantêm o segundo lugar

Ao final da manhã desta terça-feira, os sub-23 do FC Famalicão visitaram o Gil Vicente na jornada sete da fase de apuramento de campeão da Liga Revelação. A equipa de Rui Tomé venceu por claros 2-4. Toki Yukutomo abriu o ativo aos 15 minutos, mas cinco minutos depois o Gil Vicente empatou. Quatro minutos volvidos, Gustavo Barros coloca, novamente, os famalicenses na frente do marcador. Na segunda parte, aos 85 e 87 minutos, João Santos e Hugo Oliveira colocam o resultado numa goleada que foi atenuada aos 89 minutos.

Com esta vitória, o Famalicão mantém o segundo lugar, com 14 pontos, dois pontos atrás do líder, o Sporting. Na próxima jornada, os comandados de Rui Tomé visitam o Estoril Praia.

Famalicão: Ana Marinho foi quinta classificada nos Nacionais de Pista Coberta

A atleta famalicense, do Clube Desportivo S. Salvador do Campo, foi quinta classificada, em termos absolutos, nos 1500 e 3000 metros, nos Campeonatos de Portugal de Pista Coberta, que decorreram em Pombal, no passado fim de semana.

A atleta, ainda sub-23, competiu com as melhores atletas nacionais e disputou até final os lugares do pódio.

O clube que representa endereça-lhe os parabéns por estas prestações na mais importante competição em pista coberta.