Concelho

Terminal rodoferroviário de 25 milhões de euros será o maior do país

A Câmara Municipal de Famalicão vai assinar, na quarta-feira, dia 16 de janeiro, um protocolo de cooperação com a Infraestruturas de Portugal e a Medway, operador Ferroviário e Logístico de Mercadorias que vai construir um terminal rodoferroviário, em Lousado. A obra vai custar 25 milhões de euros e será o maior terminal do género construído em Portugal.

O presidente da Câmara regista «com muito apreço» o facto deste investimento vir para Famalicão e não para outros sítios. «É sinal de força e do dinamismo económico de Famalicão», assume Paulo Cunha.

O autarca famalicense salienta que este investimento vai impulsionar o crescimento económico de Famalicão e de toda a região norte. Desde logo, há custos que vão baixar para as empresas próximas, que usam a rodovia e a ferrovia.

Paulo Cunha acredita que a médio prazo este terminal será motivo de novos investimentos em Famalicão.

Neste processo, a Câmara vai colaborar do ponto de vista técnico, mas não vai assumir nenhuma contrapartida financeira.

Previous post

Edição de 10 de Janeiro de 2019

Next post

39 médicos internos complementam formação no Centro Hospitalar

Cidade Hoje