Jorge Paulo Oliveira defende criação do Subdestacamento Territorial da GNR de Famalicão

Jorge Paulo Oliveira voltou a defender, na manhã desta quarta-feira, na Assembleia da República, a criação do Destacamento Territorial da GNR de Vila Nova de Famalicão. No entanto, o deputado do PSD admite que a materialização da estrutura apresenta dificuldades várias, pelo que defendeu perante Eduardo Cabrita, ministro da Administração Interna, uma solução intermédia – a criação do Subdestacamento Territorial de Famalicão.

O eleito famalicense diz que a dimensão territorial, populacional, económica e social do município mais do que justifica a criação daquela estrutura, que, a seu ver, permitiria a desvinculação dos três Postos dos Comandos Territoriais existentes – Joane, Riba de Ave e Famalicão – da tutela do Destacamento de Barcelos da GNR.

Esta desvinculação, ainda segundo Jorge Paulo Oliveira, permitiria reforçar o quadro de efetivos e avançar para a reabilitação do atual posto da GNR de Famalicão que, dos três que o município dispõe, é o que apresenta maiores problemas em termos de conservação dos espaços.

Esta não é a primeira vez que o deputado do PSD desafia o ministro da Administração Interna a revelar a disponibilidade do Governo para a criação desta estrutura que traria para o concelho unidades importantes como o Núcleo de Investigação Criminal e o Núcleo de Proteção do Ambiente. Jorge Paulo Oliveira chegou mesmo a dizer que, se na discussão do Orçamento do Estado do ano passado, quando questionado o ministro nada disse, também agora, Eduardo Cabrita não se pronunciou.

Most Popular Topics

Editor Picks