A Salsa passa para as mãos da Sonae

A Sonae controla agora 100% da marca de vestuário Salsa, quase quatro anos depois de ter entrado no capital da empresa. Na semana passada, a Sonae comprou os 50% da marca que ainda não detinha, depois de a outra acionista, a Wonder Investments, ter exercido o direito contratual de venda da posição à Sonae Fashion.

A SONAE recorda que a Salsa, marca famalicense, é sendo «reconhecida pelo desenvolvimento de produtos inovadores e pelo seu espírito empreendedor». Sendo uma empresa verdadeiramente internacional, «os seus produtos podem ser encontrados em mais de 35 países e mais de 60% do seu volume de negócios tem origem em mercados internacionais», acrescenta o grupo na mesma nota de imprensa.

Sonae prepara compra da totalidade da Salsa

O grupo Sonae prepara-se para comprar a totalidade da Salsa. Desde 2016 que a Sonae detinha 50% da marca famalicense de vestuário e, agora, pretende adquirir os restantes 50% que ainda estão na posse de Filipe Vila Nova, um dos fundadores da marca.

Segundo informações da Associação Têxtil e Vestuário de Portugal, o negócio estará praticamente fechado.

A Salsa anunciou, há algumas semanas, que perspetiva fechar o ano de 2019 com um volume de negócios de 220 milhões de euros. Cerca de 15% dizem respeito a vendas online.

Recorde-se que a Sonae já está na área do vestuário têxtil com as marcas Zippy, MO e Deeply. Agora, também a Salsa.

Most Popular Topics

Editor Picks