Hospital de Famalicão: Serviço de Obstetrícia recebe nota máxima em avaliação externa

Os serviços do Centro Hospitalar do Médio Ave (Hospitais de Famalicão e Santo Tirso) obtiveram nota positiva do SINAS – Sistema Nacional de Avaliação em Saúde, revelou esta terça-feira a Entidade Reguladora da Saúde.

Os parâmetros de avaliação vão de 1 a 3, sendo que o Hospital de Famalicão/Santo Tirso conseguiu classificações de nível dois nas áreas de cardiologia (enfarte agudo do miocárdio), neurologia (acidente vascular cerebral) e pediatria (cuidados neonatais e pneumonia).

No entanto, a área dos “Partos e Cuidados Pré́-natais”, da especialidade de Obstetrícia, mereceu o nível máximo do rating com atribuição da Excelência Clínica de nível 3. Nesta área analisa-se a ocorrência de cesarianas, partos vaginais, partos programados e lacerações perineais graves, assim como a correta prescrição e administração de esteróides antes do parto. Na avaliação dos indicadores específicos da especialidade de Obstetrícia, dos 5 indicadores avaliados 3 obtiveram 3 estrelas, todos com valores observados superiores aos valores nacionais de referência.

A avaliação teve em conta: excelência clínica, segurança do doente, adequação e conforto das instalações, focalização no utente e satisfação do doente.

Famalicão e Santo Tirso: 40 médicos completam formação no Centro Hospitalar do Médio Ave

São 40 médicos internos que iniciaram um período de formação no Centro Hospitalar do Médio Ave. A colocação destes novos internos do Ano Comum no CHMA irá permitir que desenvolvam na instituição a sua formação prática em diversas áreas clínicas, sendo um reconhecimento de que o Centro Hospitalar dispõe de qualidade e capacidade técnica para colaborar na formação médica.

A origem académica dos novos internos é oriunda das diversas Faculdades de Medicina portuguesas. O ingresso no internato médico é precedido de procedimento concursal para o preenchimento do número de vagas anualmente fixadas para o efeito, sendo de salientar que grande parte destes médicos escolheu o CHMA como primeira opção.

Santo Tirso: Casal com três filhos e uma idosa desalojado devido ao mau tempo

Seis pessoas ficaram desalojadas, em Santa Cristina do Couto, Santo Tirso, na madrugada desta quinta-feira, na sequência do mau tempo que se tem vindo a fazer sentir na região norte, fruto da depressão “Elsa”.

De acordo com a RTP, a casa onde habitava a família foi atingida por uma árvore derrubada pela força do vento, cerca das 03h00.

Um representante da Câmara Municipal de Santo Tirso, em declarações à Antena 1, diz que o casal com três filhos e uma idosa encontra-se numa unidade hoteleira daquela localidade, havendo a possibilidade de regressarem a casa ainda no decorrer desta quinta-feira, depois de serem avaliados os estragos provocados pela árvore.

Há mais uma luz verde para a criação da rede de transportes entre Famalicão, Santo Tirso e Trofa

A Área Metropolitana do Porto (AMP) aprovou na última sexta-feira, por unanimidade, o memorando de entendimento sobre as linhas intermunicipais que atravessam concelhos de Famalicão, Santo Tirso e Trofa e que possibilita a constituição de uma rede de transportes entre os três municípios. A CIM do Ave já havia dado luz verde à pretensão dos três municípios que avançaram para a criação da MobiAve.

A Associação de Municípios MobiAve vai gerir a rede de transportes públicos rodoviários dos concelhos de Santo Tirso, Vila Nova de Famalicão e Trofa, dando corpo a um projeto que começou a ganhar forma em 2017 e cujos responsáveis autárquicos acreditam que vai contribuir para a melhoria da qualidade de vida da população, contribuindo para o aumento da utilização dos transportes públicos em detrimento de viatura própria.

A nova rede de transportes públicos intermunicipal, que será gerida pela MobiAve, foi alvo de um estudo de planeamento sobre a mobilidade de passageiros na área territorial dos três concelhos, tendo em vista a organização de futuras concessões de serviço público de transporte à população, que terá uma população estimada em cerca de 250 mil habitantes para servir.

O Presidente da Câmara de Vila Nova de Famalicão, Paulo Cunha, participou como observador convidado na reunião da AMP e agradeceu o voto de confiança, sublinhando que o projeto em causa vai representar uma melhoria das condições de acessibilidades para os habitantes não só daqueles três municípios, como também dos que diariamente se deslocam para aquele território por motivos profissionais.

Gigante dos aviões “Airbus” instala-se em Santo Tirso e cria 400 empregos

A gigante da aeronáutica, Airbus, através da empresa do grupo Stelia Aerospace, prepara-se para construir uma fábrica para a construção de peças de aviões, na zona industrial da Ermida, em Santo Tirso, avança o Público.

A unidade vai dar emprego a 400 pessoas, metade delas serão contratadas numa primeira fase de laboração, em 2021.

Esta obra resulta num investimento superior a 40 milhões de euros.

 

Famalicão: Freguesias sem água devido a problema na rede

As freguesias de Mogege e Castelões estão, na tarde desta sexta-feira, sem água.

Um problema na conduta geral de distribuição de água pela região levou à interrupção do abastecimento nestas duas freguesias Famalicenses. A mesma situação verifica-se em algumas freguesias do concelho vizinho de Santo Tirso.

De acordo com a Câmara Municipal de Famalicão, os trabalhos de reparação já estão a decorrer e a situação deverá ficar normalizada até às 17h00.

Most Popular Topics

Editor Picks