Crise na Oliveirense: Equipa técnica demite-se

José Nuno Azevedo e a restante equipa técnica, que assumiram o comando da equipa principal da A.D. Oliveirense no final de 2019, sob alçada da sociedade anónima desportiva, apresentaram o seu pedido de demissão.

De acordo com o jornal desportivo ” O Jogo “, a insolvência da SAD, e os ordenados em atraso, terão sido decisivos para este tomada de posição.

Salários em atraso na Oliveirense

Os jogadores da Oliveirense SAD e a equipa técnica ainda não receberam o mês de janeiro e aguardam a liquidação do salário para regressar aos treinos.

Os momentos conturbados na Oliveirense estão, assim, por resolver, não se sabendo, ainda, se será possível à equipa apresentar-se em Braga, na próxima jornada, ante a formação B bracarense.

Recorde-se que a 27 de fevereiro, a assembleia de credores decretou a insolvência da Sociedade Anónima Desportiva, decisão passível de recurso. Terá sido este o argumento que os responsáveis da SAD alegaram junto da Federação Portuguesa de Futebol para realizarem o jogo de domingo passado, com o Vizela.

 

Assembleia de credores votou encerramento da Oliveirense SAD

Decorreu na manhã desta quinta-feira, no Tribunal de Famalicão, a assembleia de credores da Oliveirense SAD, que votou pelo encerramento da sociedade anónima desportiva.

O processo já decorre na justiça há alguns meses e teve origem nos problemas financeiros da SAD. Recorde-se que recentemente, o administrador de insolvência, em relatório enviado ao tribunal, no final do mês de janeiro, pedia o encerramento da sociedade por não estarem reunidas as condições para o seu funcionamento.

A assembleia de credores votou, agora, o encerramento da SAD, sendo que esta é uma decisão passível de recurso.

Os responsáveis pela sociedade anónima desportiva dispõem de 5 dias para recorrer da decisão.

Rui Borges regressa para liderar Projeto Famalicão Futuro

Rui Borges está de regresso para liderar o projeto “Famalicão Futuro”, através do qual a SAD do emblema famalicense pretende desenvolver e potenciar os jogadores das equipas sub-23, sub-19, sub-17 e sub-16.

Rui Borges aceitou reforçar a estrutura para assumir um projeto que estará vocacionado para os jovens que atuam nestas quatros equipas. O convite para regressar «foi muito aliciante. Acompanhei as mudanças operadas desde a minha saída e este projeto insere-se na política de crescimento que tem sido levada a cabo», analisou Rui Borges.

De volta a um clube onde exerceu funções entre as temporadas 2013/14 e 2015/2016, Rui Borges vê o clube «a evoluir a todos os níveis», assinalando que o sucesso na equipa profissional «tem sido acompanhado por uma assinalável capacidade de dotar o clube de recursos para conseguir manter-se entre a elite do futebol de formação em Portugal».

Este novo projeto surge com o propósito de reforçar a dinâmica que o clube iniciou esta temporada nestes escalões «e vincar o ADN de um jogador que enverga a camisola do FC Famalicão, tal como acontece na equipa sénior», justifica Miguel Ribeiro.

O presidente da SAD confere que «o objetivo é conceber um plano cujo propósito passa por criar uma identidade que distinga os jovens jogadores que representam este clube e fazer com que estejam mais capacitados para ascender à equipa principal».

Sindicato dos Jogadores confirma pagamento ao plantel da Oliveirense

O Sindicato dos Jogadores confirma, em comunicado, que já foi pago o mês de agosto aos atletas do plantel sénior da SAD da AD Oliveirense. Perante «este sinal claro para regularizar os pagamentos em atraso», o Sindicado foi mandatado para desconvocar a greve ao jogo deste domingo, dia 20 de outubro, para a Taça de Portugal, que opõe a AD Oliveirense Futebol SAD ao Santa Clara.

Mesmo assim, a estrutura sindical garante que continuará atenta esta situação, «junto do plantel», ao mesmo tempo que diligenciará no sentido de rever o modelo de licenciamento de clubes no Campeonato de Portugal, lê-se, ainda, na nota enviada à comunicação social.

SAD da Oliveirense paga agosto para jogar domingo

A SAD da Oliveirense confirmou à Cidade Hoje o pagamento dos vencimentos em atraso, referentes ao mês de agosto, até ao final deste sábado.

Desta forma, garante a presença da equipa no jogo da terceira eliminatória da Taça de Portugal, frente aos açorianos do Santa Clara, marcado para as 15h00, deste domingo, no campo de Ribes, em Oliveira Sta Maria.

Em falta fica o pagamento do mês de setembro, que segundo Mário Luna, representante da SAD da Oliveirense, será pago durante a próxima semana.

Recorde-se que, no passado fim de semana os atletas da equipa sénior chamaram o sindicado dos jogadores para lhe dar conta das dificuldades que viviam pela falta de pagamento dos vencimentos. Muitos dos jogadores, que são estrangeiros, não tinham dinheiro para a própria alimentação, chegando a faltar aos treinos.

Houve um pré aviso de greve que pode ter sido ultrapassado com a promessa manifestada pelo diretor desportivo da SAD oliveirense.

 

Most Popular Topics

Editor Picks