Santuário de Fátima prevê despedir até 50 trabalhadores

Devido à queda abrupta nas receitas causadas pela epidemia de covid-19, o Santuário de Fátima tem em curso um plano de reestruturação que prevê o despedimento até 50 trabalhadores.

O Santuário de Fátima iniciou um plano de reestruturação interna e informou os trabalhadores da situação.

A pandemia causou inúmeros constrangimentos e uma crise económica em todos os setores e o turismo, incluindo o religioso, não foi exceção, com um impacto muito significativo no fluxo de trabalho e na gestão económico-financeira do Santuário.

 

Famalicão: Novos horários da paróquia de Santo Adrião

Os novos horários da paróquia de Stº Adrião, válidos para os meses de verão: sábado, eucaristia às 18 horas, na matriz nova; domingo, na matriz novas, há missa às 8h30, 11h15 e às 21 horas. Durante a semana, e nestas circunstâncias de pandemia, mantêm-se os horários habituais: terças-feiras às 19h15, quarta-feira às 09h00, quinta-feira às 19h15, e sexta-feira, às 09h00.

Atendimento de secretaria: de terça a sexta, das 10 às 12 e das 16 às 19 horas. Em agosto está encerrado para férias.

Atendimento do pároco: terças, das 17h30 às 19, sextas das 10h30 às 12h30. Em agosto será por marcação. Nesta fase de pandemia o atendimento deve ser agendado.

Outros horários podem ser combinados por mail: [email protected]

Acompanhamento espiritual: o pároco está disponível para fazer acompanhamento espiritual a quem o desejar. Para o efeito, devem agendar.

Confissões: quartas-feiras e sábados, das 9h45 às 11h, na Capela da Misericórdia, Matriz Antiga. Em agosto não haverá confissões.

Devido ao tempo de pandemia, pode eventualmente haver alterações, as quais serão atempadamente comunicadas no boletim paroquial EFFATHÁ ou nos meios disponíveis para o efeito.

Páscoa com o toque dos sinos, flores à porta e estandartes à janela

O Arciprestado de Vila Nova de Famalicão, dadas as comunicações das autoridades públicas de saúde, as posições da Conferência Episcopal e da Arquidiocese de Braga, informa que a Páscoa será celebrada com o toque dos sinos durante o dia e é proposto às famílias que coloquem flores à porta e estandartes à janela mesmo sem compasso na rua. A celebração da Páscoa será, por isso, em família.

Informa, também, que as paróquias vão suspender a catequese e atividades juvenis/escutistas, que serão retomadas quando as escolas abrirem; estão suspensas as confissões, as eucaristias, procissões, vias-sacras e toda e qualquer manifestação que implique aglomerados de pessoas; os velórios e os funerais estão circunscritos à família e recomenda que os pêsames sejam dados por SMS e redes sociais; os casamentos e batizados, se os houver, também circunscritos à família.

O Arciprestado de Famalicão adianta que «o dom da vida tem um valor inviolável. Temos o dever de a proteger, a nossa e a dos outros». Em comunicado, diz que todos devem rezar a Deus para que «se compadeça de todos os frágeis e doentes, para que dê alívio e cure todos os infetados, anime os que deles cuidam, ajude os investigadores a encontrar os meios de cura».

Francisco Carreira é o novo Arcipreste de Famalicão

O padre Francisco Carreira é o novo Arcipreste de Vila Nova de Famalicão, substituindo no cargo o padre Armindo Paulo. Francisco Carreira, que é pároco de Santo Adrião e de S. Martinho de Brufe, já desempenhava o cargo de vice-Arcipreste.
A nomeação foi tornada pública esta quinta-feira, pela Diocese de Braga, através de nota oficial de D. Jorge Ortiga.
Francisco Carreira terá como vice-Arcipreste o padre Nuno Vilas Boas, atualmente pároco de Palmeira, Cabeçudos e Esmeriz.

Most Popular Topics

Editor Picks