Famalicão: PS diz que há falta de condições em alguns espaços de saúde

A concelhia do Partido Socialista visitou espaços de saúde em Famalicão e verificou que existe falta de condições físicas.

O PS constatou que os profissionais de saúde trabalham em espaços exíguos e improvisados, sem sala para material obsoleto e não usado.

A concelhia do PS, liderada por Eduardo Oliveira, visitou Unidades de Saúde Familiares, Equipas de Cuidados Continuados Integrados, de Saúde Escolar e de Saúde Materno Infantil.

Esta visita, que aconteceu no dia 18, esteve incluída no Roteiro pela Saúde que tem levado os socialistas a vários espaços. Além da passagem por estes espaços de saúde, a equipa socialista esteve reunida com o coordenador da Unidade de Apoio à Gestão nas Unidades de Saúde, liderada por Nuno Silva.

«Perante a contingência que esta pandemia acarreta, o desafio tornou-se acrescido para a equipa de profissionais que, apesar das vicissitudes, faz o seu melhor», sublinha Eduardo Oliveira, que se mostra reconhecido aos profissionais de saúde pelo trabalho desenvolvido.

Os socialistas prometem reivindicar junto da ARS Norte e do Ministério da Saúde por melhores condições.

Famalicão: PS propõe vouchers de desconto para apoiar restauração e comércio local

Com o objetivo de apoiar a restauração e o comércio local, o PS de Famalicão propõe à Câmara Municipal que disponibilize uma verba para esse fim, que seria traduzida num voucher de desconto.

O PS propõe a criação de um modelo de cooperação económica partilhada entre o comércio local, o setor da restauração e a autarquia que se traduza num benefício direto às micro e pequenas empresas. Ao mesmo tempo, os famalicenses também sairiam beneficiados porque obteriam descontos na aquisição desses bens e serviços.

De acordo com Eduardo Oliveira, presidente do PS, esta é uma das melhores formas de ajudar o comércio local e a restauração neste tempo de fortes restrições devido à pandemia.

Famalicão: PS pede respostas para o alojamento dos estudantes do ensino superior

A concelhia do PS considera o Ensino Superior fundamental ao desenvolvimento do concelho e, para a fixação da população estudantil, diz que é imprescindível a existência de alojamento local. Notando dificuldades no acesso a uma casa, por falta de oferta, o PS afirma que é o momento para a autarquia famalicense tomar medidas que facilitem a vida estudantil.

Neste sentido, a concelhia do PS considera que a Câmara Municipal de Famalicão deve estabelecer parcerias com instituições de ensino superior e/ou outras entidades «proporcionando uma maior acessibilidade a alojamento estudantil a preços regulados, de forma a evitar a deslocação diária dos alunos para concelhos vizinhos».

Em nota à imprensa, o Partido Socialista de Vila Nova de Famalicão entende que as respostas às necessidades de alojamento estudantil têm de ser concertadas através de parcerias, envolvendo as Instituições do Ensino Superior, as autarquias e outras entidades.

Famalicão: PS sugere medidas de apoio às famílias e empresas afetadas pela covid-19

O Partido Socialista de Famalicão apresentou um pacote de propostas de apoio aos famalicenses e às pequenas empresas, com o objetivo de minimizar os efeitos nefastos da covid-19.

A concelhia do PS, liderada por Eduardo Oliveira, adianta que está em condições de discutir e melhorar as propostas. E, sabendo que algumas medidas terão impacto financeiro nos cofres municipais, diz que é tempo de fazer opções políticas «entre o que é possível para salvaguarda do bem-estar dos famalicenses e os eventuais investimentos que poderão e deverão ser adiados».

Medidas de apoio à comunidade

− Criar uma página de internet que agregue informação sobre todos os apoios municipais;

− Criar equipas municipais de distribuição de bens alimentares essenciais e de medicamentos a agregados familiares em confinamento;

− Intensificar a realização de testes rápidos às comunidades escolares, aos profissionais e utentes das IPSS, aos profissionais da Proteção Civil Municipal, entre outros;

− Controlar o uso de máscaras na entrada e no recinto da feira semanal;

− Implementar um plano de higienização e desinfeção de espaços públicos que evidenciem particular propensão para ajuntamentos temporários;

− Garantir um aumento dos transportes públicos (autocarros) em horários de maior afluência nas deslocações de e para as escolas, garantindo o cumprimento a todos os normativos emanados das diversas entidades de saúde;

Medidas de Apoio às Famílias

− Redução das rendas camarárias destinadas à habitação no caso de perda significativa de rendimentos decorrente de situação de lay-off e/ou de desemprego;

− Redução em 50% durante seis meses da fatura da água a agregados familiares com redução de rendimentos resultante de lay-off ou desemprego;

− Redução da taxa do IMI.

Medidas de Apoio às Empresas e ao Emprego

− Reduzir a fatura da água e/ou das rendas camarárias às empresas dos setores especialmente afetados;

− Estabelecer protocolos com as unidades hoteleiras do Concelho com vista ao acolhimento de profissionais “da linha da frente” quando a utilização da habitação própria seja desaconselhada por motivos de saúde pública;

− Desenvolver um web site de comércio eletrónico “comunitário” para empresas concelhias, de cariz familiar, com realce para a venda de produtos locais;

− Apoio a empresários em nome individual, micro e pequenas empresas que, tendo mantido os postos de trabalho, se encontram em situação de emergência financeira e risco de encerramento;

− Adquirir aos produtores do concelho, com especial preferência no comércio tradicional, os produtos destinados aos cabazes de Natal.

 

Famalicão: Governo garante obras na PSP e GNR de Riba de Ave

O Secretário de Estado Adjunto e da Administração Interna, Antero Luís, informou o deputado famalicense Nuno Sá que o projeto de execução para intervenção em toda a esquadra da PSP de Famalicão está concluído e é para prosseguir. Quanto ao posto territorial da GNR de Riba de Ave, o governante manifestou o compromisso do Governo em avançar com o novo quartel, indicando que já está encontrado o local e o edifício para o efeito, faltando o protocolo com a Câmara Municipal de Famalicão para concretizar esta infraestrutura.

O deputado Nuno Sá, eleito pelo PS no círculo eleitoral de Braga, tinha interrogado o Ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, no âmbito da apreciação na especialidade do Orçamento de Estado para 2021. O deputado fez notar ao Governo da necessidade de melhorar as infraestruturas das forças de segurança, designadamente o novo Quartel da GNR de Riba de Ave e a Esquadra da PSP de Vila Nova de Famalicão.

PS de Famalicão inicia ciclo de conferências

O Partido Socialista vai promover um ciclo de conferências sobre o poder local. A primeira conferência realizar-se-á no dia 6 de novembro, pelas 21 horas, no auditório da Escola Secundária de Camilo Castelo Branco, subordinada ao tema “O poder local e os desafios da descentralização”.
Susana Amador, deputada à Assembleia da República, ex-secretária de Estado da Educação e ex-presidente da Câmara de Odivelas, é a oradora convidada.
A conferência terá lotação limitada de acordo com a imposição sanitária à data de realização e será transmitida em direto nos canais digitais.

Most Popular Topics

Editor Picks