O futuro da indústria nacional passa pelo CeNTI

O CeNTI tem promovido o projeto bKET, Tecnologias de Largo Espectro, vocacionadas para o desenvolvimento de novos produtos, soluções e serviços, que podem permitir à indústria nacional modernizar-se e manter-se na linha da frente da inovação.

Este projeto bKET é cofinanciado pelo Portugal 2020, no âmbito do Programa Operacional Competitividade e Internacionalização e do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.

Há ideias tão inovadoras como viagens em comboio por levitação, interiores de automóvel que libertam fragâncias ou equipamentos de proteção com fibras de alta performance. Estas soluções poderão ser uma realidade no futuro.

Sensibilizar e incentivar os profissionais para a inovação tecnológica e científica tem sido o papel do CeNTI. «É uma excelente oportunidade para as nossas empresas. Criar produtos inovadores, sustentáveis e eficientes e melhorar processos, tendo na sua base tecnologia de ponta, que permitirá às empresas crescerem e tornarem-se mais competitivas e rentáveis, potenciando a economia nacional», referem os responsáveis do projeto.

Empresas famalicenses conseguem 340 milhões de fundos europeus

As empresas famalicenses conseguiram 340 milhões de euros do Portugal 2020. Até ao momento estão aprovados 380 projetos, que vão beneficiar de fundos europeus. O Compete 2020 aprovou 115 projetos, no montante de 243,2 milhões de euros; o Norte 2020 deu luz verde a 265 projetos.

O objetivo é melhorar a competitividade, a internacionalização, a inclusão social e o emprego, a sustentabilidade e a eficiência de recursos.

Este aproveitamento de fundos europeus revela a determinação dos empresários e a vitalidade da economia famalicense.

Most Popular Topics

Editor Picks