Dar as Mãos quer casa para os sem-abrigo

A Associação Dar as Mãos tem projetado para 2020 o início da construção de uma Casa Abrigo para acolher cerca de 15 sem-abrigo. O futuro edifício terá, também, espaços para oficinas onde os utentes poderão ocupar o seu tempo.

Ainda sem terreno ou casa onde possa fazer crescer este projeto, a associação já reservou 100 mil euros para esta obra, anunciou Agostinho Fernandes na tarde desta quinta-feira em conferência de imprensa.

Outra das novidades avançadas pelo presidente da instituição é a continuação da poesia na cidade, projeto que venceu, em 2016, o Programar em Rede da Câmara Municipal

Na conferência de imprensa desta quinta-feira, o dirigente Bacelar Ferreira anunciou que no próximo ano a Dar as Mãos prevê rendimentos de 300 mil euros e despesas de 270 mil euros.

Ainda no encontro com os jornalistas foi apresentada a Antologia de Poetas Famalicenses que resulta do projeto A Poesia Invade a Cidade.

Most Popular Topics

Editor Picks