Famalicão: Praça da Cidadania embeleza Parque da Devesa

Se ainda não viu, pode apreciar e até tirar uma fotografia junto à palavra Famalicão, feita em monobloco, que está junta à Central de Camionagem, com o Parque da Devesa como pano de fundo. Um cartão de visitas, num dos locais mais bonitos da cidade.

Este espaço foi inaugurado esta quinta-feira, Dia da Cidade, e foi apelidado de Praça da Cidadania. Mais do que ícone da cidade, o presidente de Câmara quer que este sítio seja, de forma simbólica, uma homenagem a todos os famalicenses, «pelo seu comportamento cívico exemplar adotado durante o confinamento obrigatório e o seu respeito pelas regras da DGS, ajudando dessa forma a combater a propagação da Covid 19».

Para Paulo Cunha, com a Praça da Cidadania, «criamos uma referência física que ficará para sempre na memória deste território e das suas gentes. Uma memória que pretende eternizar não o que estamos a viver, mas a forma cívica, responsável e consciente como o estamos a viver».

“Anima-te” no Parque da Devesa

Prossegue, este fim de semana, no Parque da Devesa, o “Anima-te”, programa municipal para animar o verão dos famalicenses.

Esta sexta-feira, no âmbito do Devesa Sunset, sobe ao palco Noiserv; no sábado há Sons do Minho e no domingo atua Nuno Campos Quarteto, concerto inserido no Ciclo Porta-Jazz, promovido pela Associação O Eixo do Jazz. Os concertos são às 19 horas.

A entrada nos espetáculos só é permitida mediante a apresentação de bilhete, que são gratuitos e podem ser levantados no local (Parque da Devesa), no período das 3 horas que antecede o espetáculo; uma pessoa pode levantar até 6 ingressos.

Uma Praça na Devesa para todos os famalicenses

O presidente da Câmara Municipal de Famalicão inaugura esta quinta-feira, dia 9, junto à entrada principal do Parque da Devesa, a Praça da Cidadania.

No espaço foi colocada, em monobloco, a palavra Famalicão. Mais do que um cartão de visitas, o município quer homenagear todos os famalicenses.

Com esta homenagem coletiva fica marcado o Dia da Cidade, que celebra 35 anos de elevação de Famalicão a cidade.

«O que é justo este ano é medalhar todos os famalicenses», disse Paulo Cunha. O autarca acrescenta que «os famalicenses deram e estão a dar uma resposta exemplar, não só ao nível profissional – os profissionais da saúde, da segurança pública, os voluntários das corporações de bombeiros, mas também muitos profissionais de outras áreas, como a recolha do lixo, o setor alimentar, agricultores, indústrias e seus trabalhadores, transportadoras e seus motoristas de ligeiros e pesados, etc… -, mas também ao nível pessoal, pela forma como as pessoas souberam recolher-se ao confinamento familiar e sabem acatar as regras da DGS, ajudando desta forma a combater a propagação da Covid 19».

A cerimónia de homenagem será condicionada dada a situação de pandemia em que vivemos, sendo transmitida em direto através do facebook do município emhttps://www.facebook.com/municipiodevnfamalicao/

Famalicão: Anima-te com selo “Clean & Safe”

O Turismo de Portugal e a Inspeção Geral das Atividades Culturais atribuiu o selo “Clean & Safe” ao recinto dos espetáculos do Anima-te, programa de Verão promovido pela Câmara Municipal durante os meses de julho, agosto e setembro.

O selo “Clean & Safe” distingue as atividades que asseguram o cumprimento de requisitos de higiene e limpeza para prevenção e controlo da Covid-19, reforçando a confiança do espetador.

Depois da primeira semana de eventos, o Anima-te traz esta quarta-feira, 8 de julho, o Cinema Paraíso, com “Variações”, de João Maia. Entretanto, o fim-de-semana de 10, 11 e 12 de julho será de muita música.

Para o dia 10 está agendado o primeiro concerto do Devesa Sunset, com Noiserv.

A música dos Sons do Minho anima o sábado, 11 de junho, e no dia 12, domingo, o programa apresenta Nuno Campos Quarteto, concerto inserido no Ciclo Porta-Jazz promovido pela Associação O Eixo do Jazz.

Estão, também, a decorrer as aulas de desporto ao ar livre do programa Move-te no Parque da Devesa e nas freguesias. Há ainda o Mercado Artesanal, na Praça D. Maria II, e os espaços de Street Food.

Os espetáculos do programa Anima-te estão condicionados à observância das normas impostas pela Direção-Geral da Saúde devido à pandemia da covid-19.

A entrada para todos os espetáculos só é permitida mediante a apresentação de bilhete. Os ingressos são gratuitos e podem ser levantados, no local do evento (Parque da Devesa), no período das 3 horas que antecede o espetáculo e uma pessoa poderá levantar até 6 ingressos.

Mais informações sobre o Anima-te em www.famalicao.pt/agenda-municipal-famalicao

Famalicenses recebem tributo com Praça da Cidadania

Vila Nova de Famalicão passa a ter, a partir desta quinta-feira, uma Praça da Cidadania, em homenagem aos famalicenses. O local, na principal entrada do Parque da Devesa, ostentará o símbolo do concelho e a palavra Famalicão em monobloco.

Esta é uma das formas encontradas pelo município para assinalar o Dia da Cidade, que, este ano, se realiza em circunstâncias especiais, mas com esta grande homenagem coletiva da Câmara Municipal aos famalicenses, pela forma como reagiram à pandemia da Covid – 19.

«É justo este ano medalhar todos os famalicenses», disse o autarca aquando da apresentação da proposta para as comemorações do Dia da Cidade 2020. Paulo Cunha assevera que os famalicenses «deram e estão a dar» uma resposta exemplar, não só ao nivel profissional – os profissionais da saúde, da segurança pública, os voluntários das corporações de bombeiros, «mas também muitos profissionais de outras áreas, como a recolha do lixo, o setor alimentar, agricultores, indústrias e seus trabalhadores, transportadoras e seus motoristas de ligeiros e pesados, etc… -, mas também ao nível pessoal, pela forma como souberam recolher-se ao confinamento, acatando as regras da DGS, ajudando a combater a propagação da Covid 19».

Esta homenagem está, assim, marcada para as 18 horas desta quinta-feira, em cerimónia condicionada determinada pela pandemia covid-19.

Famalicão: Muita música e cinema no Parque da Devesa

O Município de Famalicão apresenta um programa de animação para os meses de Verão, no cumprimento das regras de segurança no âmbito da covid-19. O primeiro a subir ao palco do Parque da Devesa será o fadista Rodrigo Rebelo de Andrade. É já esta sexta-feira, dia 3. No dia seguinte, 4 de julho, às 19 horas, Famalicão recebe Katia Guerreiro A Fadista vai apresentar o seu último álbum, intitulado “Sempre”, o nono projeto discográfico, com direção musical do compositor José Mário Branco, na corrente tradicionalista da artista.

No dia 5, Domenico Lancellotti enche o palco do Anima-te com alguns dos temas que fazem parte dos seus três álbuns, mas o cantor/compositor/violinista/percussionista também vai apresentar alguns inéditos.

Para 8 de julho, quarta-feira, está agendado o início do Cinema Paraíso. A primeira exibição é o filme “Variações” de João Maia.

Depois do cinema volta a música, no dia 10 com o Devesa Sunset. Naquela bonita paisagem atua Noiserv. No dia seguinte é a vez dos Sons do Minho. No domingo, apresenta-se Nuno Campos Quarteto, num concerto inserido no ciclo Porta-Jazz, promovido pela Associação “O Eixo do Jazz”.

Anima-te e Move-te, com desporto. Já a partir do dia 1 com aulas de desporto ao ar livre. O Parque da Devesa continua a ser um dos palcos escolhidos, mas o desporto do Move-te também chega às freguesias, com propostas em diversos locais.

Numa outra vertente da animação, a Praça D. Maria II apresenta street food.

As entradas para os espetáculos, incluindo cinema, exigem a apresentação de bilhete. Os ingressos são gratuitos e poderão ser levantados no local do evento (Parque da Devesa), no período das três horas que antecedem o espetáculo. Uma pessoa poderá levantar até 6 ingressos.

Most Popular Topics

Editor Picks