Biblioteca Municipal cria serviço de leitura de jornais em formato digital

Uma vez que foi interdita a consulta pública dos jornais em formato papel, devido à pandemia, a Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco de Vila Nova de Famalicão criou um posto público para consulta e leitura dos jornais em formato digital.

«Um dos serviços mais recorrentes no acesso à informação é, precisamente, a consulta das publicações periódicas que são diariamente disponibilizadas, de forma gratuita, aos leitores das bibliotecas», refere a diretora da biblioteca, Carla Araújo.

Estão disponíveis em formato digital: o jornal diário nacional “Público” (e todos os seus suplementos); o jornal semanal nacional “Expresso” (e todos os seus suplementos); o jornal diário regional “Correio do Minho” e quatro jornais semanais locais, os jornais “Cidade Hoje”, “Opinião Pública”, “O Povo Famalicense” e “Viver a Nossa Terra”.

Para poder aceder às edições digitais da imprensa escrita atrás referida, os leitores interessados devem dirigir-se ao balcão de atendimento da Biblioteca Municipal e solicitar pelo apoio do técnico que o encaminhará ao referido posto de consulta e lhe facultará o acesso às publicações periódicas indicadas.

Desta forma, a Biblioteca Municipal Camilo Castelo Branco pretende continuar a proporcionar o acesso gratuito à informação produzida pela imprensa escrita, em concreto, mas com a devida adaptação à sua leitura em formato digital.

Arnoso: Homem assalta café mas antes deixa os jornais que trazia na mesa

Um homem assaltou, na madrugada deste sábado, um café localizado na Avenida do Altinho, em Arnoso Santa Maria.

O indivíduo, chegou ao local a pé e com um capuz na cabeça, cerca das 05h30, e com a ajuda de um objeto não identificado, forçou a entrada até partir a porta de vidro.

No interior do espaço, e de forma tranquila, o sujeito colocou os dois jornais que trazia consigo numa das mesas, indo direto à caixa para pegar em todo o dinheiro que encontrou.

No momento em que tudo aconteceu, ninguém terá dado conta do roubo. A GNR e a Polícia Judiciária estiveram no local para a recolha de provas e o caso encontra-se agora a ser investigado.

No sábado passado, e a cerca de 1,5kms deste estabelecimento, um outro café do mesmo proprietário foi assaltado.

Most Popular Topics

Editor Picks