Covid-19: Governo pondera proibir circulação entre concelhos nos fins de semana alargados de 1 e 8 de dezembro

O Governo vai ouvir esta quinta-feira os epidemiologistas na reunião do Infarmed para decidir que medidas serão aplicadas aos concelhos com maior incidência do vírus, mas segundo o JN o primeiro-ministro, António Costa, pondera o confinamento geral no país entre 28 de novembro e 13 de dezembro e proibir a circulação entre concelhos nos fins-de-semana alargados de 1 e 8 de dezembro.

O objetivo é evitar os encontros familiares e travar possíveis surtos de covid-19. As exceções a este confinamento geral pode abranger quem trabalha e estuda, bem como o congresso do PCP.

Antecipar em uma semana as férias escolares do Natal, com início a 18 de dezembro, é outra medida que está a ser ponderada, avança o JN.

Recorde-se que o atual estado de emergência termina às 23h59 de 23 de novembro. Para renovar por mais 15 dias este quadro legal para a adoção de medidas de contenção da covid-19, o Presidente da República tem de ouvir o Governo e de ter autorização da Assembleia da República, processo que deverá decorrer até esta sexta.

 

Covid-19: Mais 50% de um salário e mais dias de férias para trabalhadores da área da saúde

Os trabalhadores do Serviço Nacional de Saúde envolvidos no combate à covid-19 vão ter um prémio de desempenho equivalente a 50% do seu salário base e mais dias de férias.

O prémio de desempenho será pago uma única vez. Terão ainda um dia de férias por cada período de 80 horas de trabalho normal efetivamente prestadas no período em que se verificou a situação de calamidade pública.

A proposta partiu do PSD e foi aprovada esta quarta-feira, por unanimidade no Parlamento Nacional.

Tanto as férias como o prémio de desempenho aos trabalhadores do SNS envolvidos no combate à doença covid-19 serão regulamentados por diploma próprio do Governo no prazo de 30 dias após a aprovação do Orçamento do Estado Suplementar.

Terceiro período começa a 14 de abril sem aulas presenciais

O primeiro-ministro, António Costa, anunciou na tarde desta quinta-feira, que o 3.º período irá recomeçar a 14 de abril, mas ainda sem aulas presenciais.

O mesmo cenário manter-se-á em todos os anos de ensino, à exceção do 11.º e 12.º anos cujas aulas presenciais serão retomadas, logo que possível, para as disciplinas sujeitas a exame nacional. As provas de aferição e exames do 9.º ano estão canceladas. Exames nacionais do ensino secundário foram adiados para julho e setembro.

Principais pontos:

– 3.º período recomeça a 14 de abril sem aulas presenciais para o ensino básico, do 1.º ao 9.º ano;

– Exames e Provas de Aferição do 9.º ano canceladas;

– Exames nacionais do ensino secundário adiados para julho, dias 6 e 23, com segunda fase em setembro, dias 1 e 7.

– Do 1.º ao 10.º ano, todos os níveis de ensino vão finalizar o ano letivo com ensino à distância;

– 11.º e 12.º ano, quando possível, retomarão aulas presenciais nas disciplinas submetidas a exame nacional.

Férias de Natal cheias de energia

Cerca de quinhentas crianças inscritas no programa de ocupação das férias de Natal promovido pela Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão que, este ano, foi alargado a várias freguesias do concelho, estão a ter dias cheios de energia e alegria.

A iniciativa, desenvolvida no âmbito do programa Famalicão Comunitário, começou quarta-feira e, até esta sexta-feira, dia 20 de dezembro, apresenta muitas atividades lúdico-desportivas que fazem as delícias dos mais pequenos e preenchem, de forma criativa, as férias escolares das crianças famalicenses, tais como visitas ao circo, cinema, desporto, visitas culturais aos museus, insufláveis e muito mais. São cerca de uma dezena de centros de ocupação dinamizados de forma descentralizada permitindo que as crianças de uma boa parte das freguesias de Famalicão desfrutem de umas férias diferentes, sempre acompanhadas por cerca de 80 monitores.

Recorde-se que este ano a Câmara Municipal decidiu alargar o âmbito e o alcance das tradicionais Férias Desportivas e Recreativas organizadas durante as interrupções letivas do Natal e Páscoa, com o projeto “Dias em Cheio – Férias Criativas de Famalicão”.

Most Popular Topics

Editor Picks