Famalicão: Mais uma turma da escola de Mogege em quarentena

A Escola Básica Boca do Monte, em Mogege, tem mais uma turma de quarentena. Trata-se da sala da 3.ª classe, com 24 alunos, depois de no início da semana os alunos de duas outras turmas (1.º e 4.º anos) terem sido mandados para casa, para cumprirem período de quarentena.

A escola continua a funcionar com apenas uma turma do 2.º ano.

A Delegação de Saúde determinou o recolhimento ao domicílio dos alunos, depois de confirmados casos positivos no corpo docente. Não há, até ao momento, conhecimento de alunos infetados.

Covid-19: Duas turmas da escola de Mogege em quarentena

Duas turmas da Escola Boca do Monte, em Mogege, estão de quarentena em casa. Uma das turmas é do 1.º ano e outra do 4.º ano, num total de cerca de 46 alunos.

Segundo informações recolhidas, e confirmadas pelo presidente da Junta de Freguesia, Carlos Lima, há pelo menos um professor/a que acusou positivo à covid-19, mas desconhece-se se há alunos na mesma situação.

Por determinação da Delegação de Saúde de Famalicão, os alunos estão em casa, desde o início desta semana, a cumprir quarentena.

Selo de qualidade para Escola de Artes de Famalicão

A ACE – Escola de Artes de Famalicão foi distinguida com o Selo de Qualidade, em conformidade com o Quadro de Referência Europeu de Garantia da Qualidade para o Ensino e a Formação Profissionais (Quadro EQAVET). Uma avaliação válida para os próximos três anos.

A ACE (Porto/Famalicão) foi alvo de uma auditoria em setembro por parte da entidade competente, a ANQEP. No decorrer desta ação, foram ouvidos intervenientes e apreciada documentação.

O EQAVET é um instrumento através do qual se pretende documentar, desenvolver, monitorizar, avaliar e melhorar a eficiência da oferta da Educação e Formação Profissional e a qualidade das práticas de gestão. Tem como objetivos promover a empregabilidade das (os) alunas (os) recém-formadas (os), o equilíbrio entre a oferta e a procura das suas competências e qualificações, a par do acesso inclusivo à educação.

 

Famalicão: CDS quer que o Governo requalifique a escola Júlio Brandão

O Grupo Parlamentar do CDS-PP quer que a Assembleia da República recomende ao Governo «a realização urgente das obras de requalificação da Escola Básica 2,3 Júlio Brandão, partilhando com a escola, e demais comunidade educativa, os seus termos e calendário».

Os deputados do CDS recordam que a escola funciona com graves problemas estruturais, «sendo urgente proceder-se à sua requalificação», pois o edifício «não está à altura das atuais exigências curriculares, pelo que é urgente uma intervenção profunda», pede o Grupo Parlamentar do CDS.

Recorde-se que igual propósito teve, recentemente, o Grupo Parlamentar do PSD que apresentou um projeto de resolução onde também reclama obras de requalificação da E.B. 2 3 Júlio Brandão.

 

Famalicão: Escola D. Maria II distinguida com “Selo de Qualidade Europeu”

O Agrupamento de Escolas D. Maria II foi premiado com o galardão “Selo de Qualidade Europeu” pelo projeto eTwinning “Chemistry Behind Bread”, que desenvolve em parceria com diversas escolas de Espanha, Grécia, Arménia, Jordânia, Turquia, Roménia e França, incluindo ainda a escola do Agrupamento Gaia Nascente (Portugal).

Este projeto, premiado também com o selo de qualidade nacional, foi desenvolvido no ano anterior, com orientação da professora Elisa Saraiva.

“Chemistry Behind Bread” partiu da criação de um super-pão, rico em oligoelementos e minerais essenciais; evoluiu depois para uma exploração baseada em dados da literatura, que permitiu comparar a composição química de diferentes receitas de pão dos países envolvidos no projeto.

Deste trabalho resultou um eBook em inglês, partilhado com os parceiros do projeto.

Famalicão: Câmara investe um milhão de euros na Escola Básica de Avidos

A Escola Básica de Avidos, na União das freguesias de Avidos e Lagoa, vai ser alvo de obras de recuperação, ampliação e modernização, num investimento municipal de um milhão de euros, que está em concurso público.

Estas obras «são uma ambição da comunidade e corresponde a uma necessidade efetiva da escola», assinala o presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha.

O projeto tem como objetivo, para além da reabilitação do edifício, a ampliação do espaço com a criação de um novo edifício, por forma a responder às necessidades atuais do ensino básico da freguesia. Os trabalhos incidirão na escavação, betão armado, revestimentos, carpintarias, pichelaria, eletricidade, serralharias, impermeabilizações, arranjos exteriores, entre outros.

Esta obra resulta da reorganização dos edifícios escolares que determinou a necessidade de recuperar e ampliar o edifício onde está instalada a pré-primária de Avidos, por forma a adaptá-lo e a dotá-lo das valências necessárias ao funcionamento do 1.º ciclo do Ensino Básico.

Most Popular Topics

Editor Picks