Jorge Paulo acusa Governo de não investir nos serviços públicos

Jorge Paulo Oliveira, candidato do PSD às eleições legislativas do próximo domingo, chumba o Governo no que diz respeito aos serviços públicos.

Na avaliação aos últimos quatro anos de exercício do Governo PS, Jorge Paulo Oliveira garante que Famalicão não está melhor em nenhum setor: da saúde, à educação, justiça, segurança, serviços bancários e outros. «Quatro anos depois não vemos em Vila Nova de Famalicão, nem mais estado, nem melhor estado, nem melhores serviços públicos», denuncia o candidato do PSD.

Em conferência de imprensa, esta segunda-feira, o social-democrata garante que o mau estado dos serviços públicos se deve à falta de recursos humanos e à degradação dos espaços.

Para Jorge Paulo Oliveira, esta falta de investimento foi um ato premeditado e discriminatório do Governo de António Costa.

Impostos e saúde no jantar-comício do CDS-PP

No jantar-comício do CDS-PP, esta terça-feira, no Eugénios, Assunção Cristas disse que é preciso libertar as pessoas da maior carga fiscal de sempre.

A líder do CDS-PP está convicta de que as pessoas que trabalham no setor privado não sentem que a sua vida tenha melhorado como apregoam.

No comício, Assunção Cristas garantiu que o CDS-PP tem propostas que podem gerar equilíbrios no país e «fazer justiça à vida das pessoas».

Perante 500 pessoas presentes neste jantar, Nuno Melo falou dos problemas que existem na saúde e na educação. Em casa, Nuno Melo frisou que não pode haver ideologias na saúde. Na opinião do líder distrital do CDS-PP, não é aceitável que os doentes fiquem em corredores ou que as listas de esperam «sejam de loucura» em consultas de especialidade.

Telmo Correia foi elogiado por Assunção Cristas como sendo o melhor deputado do CDS-PP no Parlamento. Recorde-se que o famalicense Durval Tiago Ferreira é o número dois da lista por Braga.

Most Popular Topics

Editor Picks