Famalicão: Jovem Orquestra dá concertos na Casa das Artes e no Parque da Devesa

A Jovem Orquestra de Famalicão apresenta concertos este fim-de-semana, sob orientação do maestro José Eduardo Gomes.

A segunda edição da JOF tem concertos agendados para a noite desta sexta-feira (às 21h30) e domingo (às 17h00), na Casa das Artes. No sábado, às 18 horas, há concerto no Parque da Devesa, no palco do Anima-te.

A entrada nos concertos é gratuita mas limitada à lotação do Grande Auditório, com levantamento prévio do bilhete. O mesmo acontece no concerto do Parque da devesa. Os ingressos podem ser levantados na bilheteira instalada no local do evento, no período das 3 horas que antecedem o espetáculo. Uma pessoa pode levantar até 6 ingressos.

Famalicão: Dois meses de música ao pôr do sol

A catalã Sílvia Pérez Cruz, Noiserv, Samuel Úria e Márcia são alguns dos nomes que compõem o cartaz do Devesa Sunset, uma iniciativa cultural promovida pela autarquia de Vila Nova de Famalicão que este ano está inserida no programa de Verão “Anima-te”.

Serão dois meses de concertos ao pôr do sol. De julho a agosto os famalicenses vão poder entrar no fim de semana de forma descontraída ao som de boa música, tendo como bancada o verde do Parque da Devesa.

O arranque está marcado para o dia 10 de julho, com Noiserv. Uma semana depois, no dia 17, é a vez de Márcia se fazer ouvir.

No dia 24 de julho, o cantor e compositor Janeiro traz o seu segundo álbum de originais “Com Tempo, Sem Tempo”. Quem também tem novo álbum na calha é Benjamim que encerra o mês, com um concerto marcado para o dia 31.

Agosto começa com um concerto, no dia 7, de Edu Mundo. Dia 14, o Devesa Sunset recebe a catalã Sílvia Pérez Cruz, num concerto onde apresentará o seu último projeto – “Farsa”. Esta não é a primeira vez que a cantora se apresenta em Portugal e até já colaborou com artistas como o pianista Júlio Resende e os cantores António Zambujo e Salvador Sobral, entre outros.

André Júlio Turquesa sobe ao palco do Devesa Sunset no dia 21 de agosto para apresentar o seu primeiro disco a solo – “Orgônio”.

O encerramento da edição deste ano fica a cargo de Samuel Úria, no dia 28 de agosto.

Os concertos decorrerão às 19 horas, junto ao lago do parque, numa área limitada, com assistência condicionada às condições impostas pela Direção-Geral da Saúde.

A entrada é livre, mas sujeita ao levantamento obrigatório de ingresso na bilheteira, no período das 3 horas que antecedem cada espetáculo.

Ciclo de Concertos de Ano Novo na Casa das Artes

Vila Nova de Famalicão vai entrar em 2020 ao som de três das mais prestigiadas bandas filarmónicas do concelho.

A Banda Marcial de Arnoso, a Banda de Famalicão e a Banda de Música de Riba de Ave cumprem a tradição com um ciclo de concertos de Ano Novo, que decorre de 10 a 12 de janeiro, no grande auditório da Casa das Artes.

A iniciativa, integrada na programação de janeiro do espaço cultural é de entrada livre sujeita à lotação da sala, com levantamento de bilhete a partir do dia 2 de janeiro.

A Banda Marcial de Arnoso, sob a liderança do maestro José Moura, é a primeira a subir ao palco, no dia 10 de janeiro, às 21h30.

Para o dia 11 de janeiro, sábado, está agendado o concerto da Banda de Famalicão, às 21h30, dirigida pelo maestro Armando Teixeira.

A Banda de Música de Riba de Ave, conduzida pelo maestro Hugo Ribeiro, fecha este ciclo de concertos no dia 12 de janeiro, domingo, a partir das 16h30.

Mais informações em www.casadasartes.org.

Most Popular Topics

Editor Picks