Estudantes tomam lugar na Assembleia Municipal de Famalicão

No âmbito das comemorações do Dia Internacional das Cidades Educadoras, na manhã desta sexta-feira, houve uma Assembleia de Estudantes que teve lugar na sala da Assembleia Municipal, sessão onde os alunos dos estabelecimentos de ensino do concelho partilharam com o executivo sugestões e desafios para que Vila Nova de Famalicão seja cada vez mais uma Cidade Educadora.

A sessão de abertura esteve a cargo do presidente da Câmara Municipal, Paulo Cunha, que se fez acompanhar pelos vereadores da Educação e Juventude, Leonel Rocha e Sofia Fernandes, respetivamente.

Aos estudantes, que tomaram o lugar habitualmente ocupado pelos deputados municipais, Paulo Cunha recordou que «a escola não se cumpre só dentro das paredes do edifício escolar», assinalando um conceito «mais abrangente e envolvente», onde o processo de formação e aprendizagem «também se cumpre em casa, com a comunidade, com as empresas e, também, com tudo o que acontece no território».

O autarca pediu, ainda, aos jovens para que continuem atentos e que partilhem as suas ideias e sugestões sobre «a cidade que somos e a cidade que queremos ser».

Esta sessão ficou, também, marcada pelo hastear da Bandeira das Cidades Educadoras nos Paços do Concelho.

Recorde-se que o Município é Cidade Educadora desde 2010 e, ao longo dos anos, tem promovido um trabalho sistemático na educação não formal dos cidadãos, procurando a sua mobilização para o cumprimento dos princípios consagrados na Carta das Cidades Educadoras. Fruto desse trabalho, o Município foi eleito, este ano, para integrar a comissão coordenadora da Rede Territorial Portuguesa das Cidades Educadoras.

As comemorações do Dia Internacional das Cidades Educadoras, que se assinala este sábado, prosseguem durante o fim de semana, com o 12.º encontro de Serviços de Apoio às Bibliotecas Escolares, esta sexta e sábado, na Biblioteca Municipal, e com a Gala da Educação, na tarde de domingo, na Casa das Artes.

Most Popular Topics

Editor Picks