Tem mais de 25 anos? Esqueça as filas porque vai poder renovar o cartão de cidadão online

A espera para conseguir uma vaga para tirar um cartão do cidadão pode demorar vários meses. Mas uma alteração na renovação deste cartão promete reduzir o tempo de espera.

Mas os cidadãos com mais de 25 anos vão poder renovar o cartão do cidadão online, o que só era possível até agora para cidadãos com mais de 60 anos.

A medida para avançar ainda este mês foi anunciada por António Costa esta quinta-feira, 6 de junho que reconheceu os”sérios problemas e sérios atrasos” e vai “descongestionar os serviços” e dar uma “maior comodidade”.

“A partir da segunda quinzena deste mês, haverá a possibilidade da renovação online para todos os cidadãos com mais de 25 anos”, começou por anunciar.

Outra medida vai ser o envio de SMS espontâneo para renovar o documento de identificação, contendo já uma marcação. “As pessoas recebem de alerta para a necessidade de renovação do cartão do cidadão, será também anexa uma proposta de data e hora para atendimento tendo em vista a renovação”.

António Costa recordou que já houve uma medida tomada anteriormente, que permitiu desbloquear parte da renovação dos documentos de identificação. “Com isto, já foi possível que 26 mil cidadãos tivessem sido atendidos mais rapidamente. Na área metropolitana de Lisboa e brevemente também na do Porto, coloca-se a possibilidade de renovação do cartão do cidadão em vários postos de atendimento (31 na região de Lisboa). O resultado foi que 2.422 de pedidos já foram tratados”, afirmou António Costa.

Filas no registo civil de Famalicão começam às 6 da manhã

A máquina onde são tiradas as senhas deixa de funcionar momentos após a abertura daquele espaço.

Renovar o cartão do cidadão no serviços do registo civil do concelho tem sido uma missão quase impossível para a maioria dos emigrantes que por cá estão durante este mês de Agosto.

Com a falta de espaço e funcionários para atender as centenas de pessoas que procuram este serviço, o método encontrado por muitos para conseguir, por exemplo, renovar o cartão do cidadão, é madrugar e ir para a porta do registo civil às 6 da manhã.

“Estes dias cheguei às 10h00 e não havia senhas. Fui aconselhado por um senhor a vir cá hoje mas cedo, cheguei às 6 da manhã e felizmente consegui resolver a minha situação.”

Paulo Silva – Emigrante famalicense residente em França

A situação não é nova mas agrava-se sempre neste período do ano. A solução poderá surgir nos próximos anos quando for aberta a Loja do Cidadão de Vila Nova de Famalicão, que deverá ficar instalada no Centro Comercial D. Sancho I – espaço da antiga superfície comercial “Inô” -, local que já se encontra arrendado à autarquia famalicense.

Most Popular Topics

Editor Picks