Médicos de saúde pública ameaçam sair de juntas médicas

A Federação Nacional dos Médicos (FNAM) e o Sindicato Independente dos Médicos (SIM) reuniram-se com os grupos parlamentares destes três partidos, aos quais “manifestaram preocupação com o estado atual do SNS e reafirmaram a necessidade de valorização da Carreira Médica para atrair e reter os médicos no SNS”.

Em comunicado conjunto divulgado após as reuniões, FNAM e SIM defenderam ainda que os sindicatos dos médicos “constituem parte da solução para o problema”, apresentando seis propostas.

Rever a carreira médica para contemplar nas grelhas salariais a possibilidade de dedicação exclusiva dos médicos, uma tabela de valorização do trabalho em urgência e uma redução dos horários dos turnos em serviço de urgência das 18 horas para as 12 horas, “permitindo mais tempo para a atividade assistencial e a diminuição das listas de espera” estão entre as propostas.

Propõem ainda rever o número de utentes por médico de família, um estatuto de “desgaste rápido, risco e penosidade acrescidos para a profissão médica” e “medidas de proteção e segurança dos médicos nos seus locais de trabalho”.

“Os recentes casos de violência contra médicos são reflexo da deterioração dos cuidados de saúde e à passividade governamental na sua resolução”, criticam os sindicatos.

A 15 de janeiro as duas estruturas sindicais vão reunir-se com os grupos parlamentares do PS, CDS-PP e PAN, aguardando ainda que seja agendada uma reunião com a comissão parlamentar de Saúde.

Antas: Novo assalto a posto de combustível, dupla violenta leva dinheiro, tabaco e raspadinhas

Um dupla de homens, que atuou de cara tapada e de armas em punho, assaltou, cerca das 08h00 deste sábado, um posto de combustível localizado na Rua José Freitas Dias, na freguesia de Antas, em Vila Nova de Famalicão.

O grupo assim que chegou ao local, foi direto à loja de conveniência do posto e, intimidando o funcionário com a arma, conseguiram levar todo o dinheiro que se encontrava em caixa, tabaco e algumas raspadinhas.

O caso foi reportado às autoridades e está a ser investigado pela Policia Judiciária.

Há suspeitas de que o assalto possa ter sido levado a cabo pelo mesmo grupo que praticou um crime muito semelhante, na noite de sexta-feira, na freguesia de Requião.

No mesmo posto da freguesia de Antas, a 28 de Outubro do ano passado, ocorreu um assalto com características idênticas, registado pelas câmaras de vigilância.

 

Most Popular Topics

Editor Picks