Sérgio Godinho e Frankie Chavez no aniversário da Casa das Artes

Sérgio Godinho e Frankie Chavez no aniversário da Casa das Artes

No próximo sábado, a Casa das Artes completa o 18º aniversário. São quase duas décadas de criação e esforço contínuo de formação de públicos e de dedicação à cultura, às artes, aos artistas e à comunidade e os resultados têm sido exemplares. Por exemplo, em 2018, foram mais de 87.700 os que escolheram este espaço para assistirem a concertos, filmes, teatro, bailado ou para apreciarem uma exposição.

A Casa das Artes tem-se afirmado no panorama cultural da região e do país, sendo referenciada também a nível internacional. É aqui que artistas e público se sentem em casa, num espaço que faz germinar em Vila Nova de Famalicão novos conceitos, associados a um multifacetado cluster cultural aberto a todas as artes e público, sem impor qualquer estética especial. «Conheço os gostos dos diferentes públicos, mas temos que estar sempre a arriscar», garante Álvaro Santos, diretor da Casa das Artes, cargo que ocupa há quase 14 anos.

Em entrevista ao jornal CIDADE HOJE, que pode ler na íntegra esta quinta-feira, Álvaro Santos assume que no momento de celebrar o aniversário tem como desejo «continuar este trabalho e trilhar este percurso de 18 anos. Que seja possível fazer isso. Famalicão é um exemplo de liberdade, de promoção de todas as atividades artísticas para todos os públicos. Nós gostamos de ter cá as pessoas. Apareçam. Mesmo que não gostem, insistam, porque é assim que se faz um processo. É o desejo de continuar a ter liberdade para desenvolvermos este trabalho de promoção da atividade artística».

A festa de aniversário

Esta sexta-feira, dia 31 de maio, às 21h30, no grande auditório, será exibido “Alento”, um momento de dança/performance interpretado por Pedro Ramos e Sandra Rosado.

No dia 1 de junho, sábado há dois momentos por um bilhete: os concertos de Sérgio Godinho e de Frankie Chavez. Nos 18 anos da Casa das Artes, Sérgio Godinho traz a Famalicão, às 21h30, “Nação Valente”, o seu 18º álbum, que agrega colaborações com David Fonseca, Filipe Raposo, Hélder Gonçalves, Pedro da Silva Martins e um velho companheiro, José Mário Branco.

Finda a atuação de Sérgio Godinho, pelas 23 horas, no Foyer, é proporcionada a “I Don’t Belong Tour”, com Frankie Chavez a solo.

No dia 2 de junho, domingo, às 11h30, o grande auditório recebe “Música para Famílias 2019”, no 4º Ciclo de Concertos Promenade, sob o mote “Encruzilhadas”.

O programa de aniversário encerra com as atenções viradas para o público mais novo, com a oferta de cinema de animação, no grande auditório, às 16 e às 18 horas, com “Dumbo”, de Tim Burton.

É desta forma que a Casa das Artes vai celebrar o 18.º aniversário. Inaugurado a 1 de junho de 2001, este equipamento cultural, do arquiteto Pedro Ramalho, integra a Rede Nacional de Teatros e Cineteatros.

Most Popular Topics

Editor Picks