Ruivanense passa a dispor de um desfibrilhador nas suas instalações

O clube de Ruivães prepara o regresso progressivo à atividade desportiva. A mais recente medida foi a aquisição de um desfibrilhador automático externo.

Depois dos “reforços”, anunciados, ao nível de áreas como a Psicologia e Nutrição dentro da estrutura do Ruivanense A.C., o clube passa a contar com um Desfibrilhador Automático Externo (DAE), mecanismo capaz de assegurar manobras de suporte básico de vida e desfibrilhação nos primeiros minutos após a ocorrência de uma paragem cardiorrespiratória e até à chegada de emergência médica.

Em paralelo a esta aquisição, foi dada certificação e formação acreditada em Suporte Básico de Vida + DAE de cerca de 60% dos elementos do Clube, entre diretores, treinadores e fisioterapeutas, e com a previsão que até setembro próximo a totalidade do staff diretivo e técnico esteja devidamente formada em Suporte Básico de Vida + DAE.