Restaurantes de Famalicão participam em manifestações contra medidas do Governo

Representantes da restauração famalicense participaram na manifestação desta segunda-feira, dia 9, nos Aliados, Porto. Pedro Mesquita, gerente de um restaurante, garante que o setor está descontente com algumas das medidas tomadas pelo Governo de combate à pandemia.

As ações de protesto prosseguem no sábado, com uma manifestação no Rossio, Lisboa, marcada para as 14h30.

Pedro Mesquita diz que é preciso defender o setor, sublinhando que há muitos gerentes de restauração a pensar fechar portas. Garante que os clientes estavam a regressar, mas que as medidas estrangulam qualquer retoma. Dá como exemplo o fecho às 22h30, quando muitas pessoas ainda estão a jantar; pior ainda diz que é o fecho ao fim de semana às 13 horas, hora a que habitualmente as pessoas estão a chegar para almoçar.

Ao contrário, Pedro Mesquita diz que eram necessárias medidas de apoio, como isenção de TSU, redução do IVA e alargamento do lay-off simplificado.