Rasgo em raspadinha deixa apostadora sem 20 mil euros

Rasgo em raspadinha deixa apostadora sem 20 mil euros

A situação aconteceu a uma apostadora do Cacém, em Sintra. A mulher, em declarações ao Correio da Manhã, diz que quando comprou a raspadinha verificou que ela se encontrava ligeiramente rasgada na parte inferior, mas acabou por não dar importância.

Depois de raspar, a apostadora verificou que tinha um prémio de 20 mil euros mas que não o conseguiu levantar. A Santa Casa já veio dizer que “o bilhete não se apresentava nas condições previstas no Regulamento deste jogo” e, por isso, o prémio não pode ser entregue.

Most Popular Topics

Editor Picks