PSD acusa PS de “exibicionismo”

O PSD de Famalicão condena, em nota de imprensa emitida este sábado, o que diz ser “o exibicionismo” socialista aquando da entrega de donativos ao hospital e corporações de bombeiros. Os social democratas dizem que o momento que se vive exige “recato e ausência de contacto social” e que não deve ser utilizado para qualquer tipo de aproveitamento.

Recorde-se que esta sexta-feira, a concelhia do PS entregou donativos às instituições já referidas, com eco na comunicação social. “A atitude do PS de Vila Nova de Famalicão de puro exibicionismo, bem refletido nas fotografias preparadas e partilhadas nos órgãos de comunicação social e nas redes sociais, perpetrado na entrega de apoios à nossa unidade hospitalar e às corporações de bombeiros é digna da mais enérgica reprovação”.

O PSD elogia a boa vontade das empresas, mas repudia que os socialistas apareçam nas fotografias ao lado de responsáveis das entidades que deviam ser poupadas “a este exibicionismo”. Acresce às críticas “a presença de um dos candidatos às eleições da Federação Distrital de Braga do PS que adensa, e em muito aumenta, a reprovação da atitude que, dessa forma, também se coloca no âmbito da disputa interna do PS. Espelha uma clara intenção de rentabilização política interna que é, no mínimo, confrangedora”.

Ao longo do comunicado, o PSD enaltece ainda o trabalho de todos na luta contra a Covid-19, tal como elogia a responsabilidade social de muitas empresas que têm dado o seu contributo para esta causa.

O PSD reconhece que a Câmara Municipal está com os famalicenses e está a implementar “um muito eficaz plano de intervenção. De forma sóbria e eficaz têm sido realizadas as medidas que se impõem, nomeadamente através da dotação de todos os meios possíveis para as entidades de saúde, de segurança e de socorro realizarem o seu trabalho”