Próximo ano letivo será mais longo

O Ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, anunciou que o próximo ano letivo será mais longo porque os períodos de férias (Natal e Páscoa) serão mais curtos.

As aulas, como já foi anunciado, arrancam entre 14 e 17 de setembro, sendo que nas cinco primeiras semanas de aulas o trabalho será destinado à recuperação da matéria referente ao terceiro período que terminou recentemente.

Esta sexta-feira, o Ministro deu mais pormenores sobre o funcionamento do próximo ano letivo letivo. Assim, anunciou que estão a ser preparados três cenários: ensino presencial, misto e não presencial, «sendo que a regra será o presencial», afirmou Tiago Brandão Rodrigues.

Todos os alunos e professores devem usar máscara e manter uma distância de 1,5m de distância nas salas de aula.

Most Popular Topics

Editor Picks