Presidente da Câmara de Famalicão atribui vaga de assaltos a falta de investimento do estado na segurança

Presidente da Câmara de Famalicão atribui vaga de assaltos a falta de investimento do estado na segurança

O presidente da Câmara Municipal de Famalicão reagiu, esta sexta-feira, à vaga de assaltos que se tem verificado na cidade.

Paulo Cunha lamenta toda a situação e atribui responsabilidades ao governo, liderado por António Costa, que tem feito um “desinvestimento na segurança dos Portugueses”.

Para o autarca famalicense é importante dotar as forças policiais de meios para poderem agir, e criar equipas com um número de elementos que sejam proporcionais à sua área de atuação, situações que o edil diz não se verificarem em Vila Nova de Famalicão.

O presidente da câmara adiantou que já reuniu com a secretária de estado da administração interna, tendo evidenciado todos os problemas relacionados com a segurança do concelho e aguarda desenvolvimentos desse mesmo encontro.

Most Popular Topics

Editor Picks