Onda de calor atinge Portugal na segunda quinzena de agosto

A onda de calor que está a atingir a Europa vai chegar a Portugal. As temperaturas devem ultrapassar os 40 graus em determinadas zonas do país, na segunda quinzena de agosto. Por extensão, o aumento das temperaturas potencia o risco de incêndio. Os especialistas chamam a atenção para este perigo, mas consideram que a situação que se viveu em 2017 no país não se vai repetir.

De acordo com Paulo Fernandes, professor e investigador do departamento de ciências florestais da UTAD, em declarações ao Jornal de Negócios, as temperaturas elevadas fazem com que haja um «risco de incêndio». No entanto, afasta a ideia de que se vai viver uma situação semelhante à de 2017, mas não excluí que localmente possam haver incêndios com alguma dimensão.