O “BÊ-Á-BÁ” DO ARTESANATO PORTUGUÊS APRENDE-SE EM FAMALICÃO

Há mais de duas décadas que, todos os anos, Irene Almeida sai de Coimbra e ruma até Vila Nova de Famalicão para participar na Feira de Artesanato e Gastronomia do concelho famalicense. “São alguns quilómetros, mas não consigo deixar de ir, vale a pena a viagem”, conta a artesã de 65 anos que, apesar de ser já uma habitué nestas andanças, ainda consegue surpreender os visitantes com os seus trabalhos feitos com recurso a materiais pouco usuais – escama de peixe e casca de cebola e alho.

Este ano não será exceção e Irene volta a integrar a lista dos quase 100 artesãos que de 1 a 10 de setembro vão marcar presença no evento e mostrar ao vivo aquilo que têm de melhor. “Vender é claramente um dos objetivos, mas participo nesta feira acima de tudo porque as pessoas gostam do meu trabalho e pelo enorme prazer que tenho em explicar e mostrar o que faço”, refere.

Na mesma situação está José Carlos Sousa, que já quase perdeu a conta aos anos que participa na feira. Para este artesão famalicense de 62 anos, mestre na arte do ferro forjado, a preparação para o certame faz-se com alguma antecedência. “Isto dá muito trabalho. As minhas férias são praticamente passadas a trabalhar”.

E acrescenta: “Mais do que vender vou pelo prazer de fazer a feira e como há cada vez menos gente a trabalhar o ferro, vou também com a missão de mostrar esta arte”.

Mas se há quem ande nisto há muitos anos, há também quem se estreie este ano na Feira de Artesanato e Gastronomia de Famalicão. Jerónimo Gaudêncio vem do Alentejo e vai mostrar pela primeira vez em Famalicão como se fazem as botas tradicionais alentejanas.

Vem, explica, “por indicação de alguns clientes nortenhos” que lhe deram um bom feedback da Feira de Artesanato e Gastronomia de Famalicão, mas também pelo desejo que tem de levar a sua arte até ao Norte do país.

Refira-se que à beleza e excelência do artesanato, a feira junta ainda os verdadeiros sabores e aromas da gastronomia nacional. Nas tasquinhas provam-se os tradicionais chouriços e presuntos, ricos queijos, os melhores doces, compotas, vinhos e licores. Tudo isto, num ambiente marcadamente popular animado pela presença de grupos folclóricos, cantares ao desafio e muita música tradicional portuguesa. Este ano, são cerca de duas dezenas e meia de espetáculos em dez dias, com referência para os concertos de Maria do Sameiro, banda Filtro, Vitor Jara, Pedra d’Agua, e para os espetáculos das escolas de dança.

A Feira de Artesanato e Gastronomia de Famalicão vai já na sua 34.ª edição, é de entrada gratuita e decorre no antigo campo da feira semanal.

Famalicão: Hoje há festa de verão e da cerveja em Sezures

Na tarde deste domingo, realiza-se a festa de verão e da cerveja, na Capela de S.Vicente em Sezures, Famalicão.

A iniciativa arranca às 15h com muita animação musical, a começar com grupos de concertinas e a prosseguir com DJ.

Simultaneamente, no mesmo recinto, decorre o primeiro encontro de concertinas.

 

 

 

FC Famalicão perde troféu Teresa Herrera nas grandes penalidades

A equipa do FC Famalicão perdeu, este sábado, o troféu Teresa Herrera, prestigiada competição que, no plano feminino, vai na décima edição.

A equipa famalicense esteve a vencer o RC Deportivo de La Coruña por 2-0, mas a equipa espanhola logrou chegar ao empate que prevaleceu até ao final do tempo regulamentar.

A decisão foi para as grandes penalidades e o Desportivo foi mais certeiro, com vitória 5-3 sobre as famalicenses.

Famalicão: Autarquia conta com equipamento para tratar do novo piso do centro da cidade

Para fazer face a todas as exigências em termos de limpeza do renovado centro urbano, a Câmara Municipal de Famalicão passa a contar com um novo equipamento, um Aspirador Urbano Elétrico.

Numa nota publicada nas redes sociais, a autarquia refere que este é um equipamento amigo do ambiente, com capacidade de armazenamento de 240 litros, apto para lavagens de manchas e sujidade, bem como aspiração de resíduos sólidos de pequena dimensão.

Famalicão: Ana Marinho vence prova em Espanha

Na manhã deste sábado, a atleta da Escola de Atletismo Rosa Oliveira venceu a décima primeira edição da Carreira Pola Praia, na Galiza.

Ana Marinho venceu a geral, cumprindo os 6kms na Praia América à frente de quatrocentos participantes e repete o triunfo da edição anterior.

Ainda da escola joanense Bruna Ortiga venceu em sub-23.

Rosa Oliveira foi a mais rápida entre as veteranas 55.

 

Chuva está de volta na terça-feira

A chuva estará de regresso na próxima terça-feira, avança a previsão do Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

Ainda segundo o IPMA, até quinta-feira as temperaturas em Famalicão não deverão ultrapassar os 28 graus.

Terça-feira será o dia mais fresco da semana, com uma máxima de 22 graus.

Veja a previsão ao detalhe aqui

Continental: Pneus produzidos em Famalicão a partir de garrafas já começaram a ser vendidos

Já começaram a ser comercializados os pneus da Continental, produzidos na unidade de Vila Nova de Famalicão, a partir de garrafas de plástico.

A novidade foi anunciada pela empresa que refere que “desenvolveu a chamada tecnologia ContiRe.Tex, que permite substituir a totalidade do poliéster convencional no pneu e que está em produção em série desde abril de 2022. O novo material de alto desempenho já está disponível em algumas dimensões dos pneus PremiumContact 6 e EcoContact 6”.

Neste tipo de pneus o poliéster utilizado é fabricado a partir de garrafas de água e sumos de plástico PET.