Num dia oitenta pessoas inscreveram-se bolsa de voluntários

Em 24 horas, a bolsa de voluntários criada pela Câmara Municipal de Vila Nova de Famalicão para fazer face ao combate à pandemia da doença Covid-19 e para auxilio das pessoas, recebeu a inscrição de 80 pessoas com idades entre os 25 e os 45 anos.

As tarefas com maior resposta são o apoio na alimentação, compra de medicamentos e na ligação com as unidades de saúde para obtenção de receituário crónico.

Os interessados devem fazer a sua inscrição em http://voluntariado.famalicao.pt, onde devem indicar a sua disponibilidade em termos de tarefas a desenvolver.

O objetivo é criar respostas em diversas frentes, nomeadamente no apoio a cidadãos institucionalizados, seniores e portadores de deficiência; a cidadãos com infeção COVID – 19; na compra de medicamentos nas farmácias e entrega no domicilio; na compra e entrega de bens de primeira necessidade e entrega no domicilio; na ligação com as unidades de saúde para obtenção de receituário crónico, ajudar na limpeza e higienização de espaços e acolhimento temporário de animais de companhia.

Refira-se que esta Bolsa de Voluntários Covid 19, insere-se no Banco Municipal de Voluntariado que foi criado em 2008. Este banco tinha cerca de uma centena de voluntários ativos.