MyMachine nomeado para “Óscar” da Educação

O Projeto MyMachine foi nomeado para o “The world’s best education innovations for the WISE 2020 award (Word Innovation Summit Award)”, considerado os “óscares” internacionais da Educação.

A notoriedade internacional do projeto tem crescido e, para além desta recente nomeação, foi também selecionado em San Diego, nos Estados Unidos da América, como finalista na categoria “Educação e Recursos Humanos” do prémio Katerva, considerado pela Agência Reuters como o equivalente ao “Prémio Nobel” da sustentabilidade, reconhecendo as melhores ideias com impacto social.

Criado na Bélgica, o projeto está implementado em Portugal em três municípios, um dos quais Vila Nova de Famalicão onde se têm desenvolvido como um projeto educativo promotor da criatividade e interação entre os níveis de ensino, desde o 1º ciclo até à Universidade e Ensino Profissional.

Em Vila Nova de Famalicão, o MyMachine envolve, este ano letivo, cerca de 500 alunos, dando aos alunos do 3º ano de escolaridade a oportunidade de desenharem a máquina que resolva um problema do dia-a-dia. Numa segunda fase foram eleitas as 7 máquinas que, representando os 7 agrupamentos de escolas, serão, agora, construídas com a ajuda dos alunos da Universidade Lusíada de Vila Nova de Famalicão, das escolas profissionais FORAVE e da CIOR, da Didáxis, do INA, e do ensino profissional dos agrupamentos de escolas D. Sancho I, Camilo Castelo Branco e Padre Benjamim Salgado.

Desde o dia 1 de abril, a equipa do MyMachine Portugal está a implementar formas de mostrar o trabalho realizado, na sua página do Facebook. Todas as terças, quintas e domingos sai o desenho de uma máquina, um desafio, vídeos de trabalho ou visitas realizadas nos três concelhos portugueses (Famalicão, Óbidos e Campo Maior) que trabalham o projeto.

Most Popular Topics

Editor Picks