Mário Branco é o novo diretor desportivo do FC Famalicão

Depois de uma passagem pelos gregos do PAOK Salónica, Mário Branco está de regresso ao futebol nacional para assumir o cargo de diretor desportivo do FC Famalicão.

O dirigente, de 45 anos, destacou-se, em Portugal, ao serviço do Estoril Praia, com duas qualificações para a Liga Europa. Seguiu-se uma experiência de duas temporadas nos croatas do Hajduk Split, onde voltou a apurar-se para as competições europeias. No entanto, o maior feito aconteceu na Grécia quando, ao serviço do PAOK, enquanto diretor desportivo, sagrou-se campeão, algo que não acontecia há mais de 34 anos, título ao qual juntou ainda a Taça da Grécia.

Miguel Ribeiro, presidente da SAD famalicense, assinala que a escolha de Mário Branco «é um passo em frente» no projeto do clube. «Ficamos felizes por contratar um profissional de excelência que nos ajudará a guindar o clube para o topo do futebol português».

Mário Branco diz-se entusiasmado com a capacidade de crescimento «de um projeto já de si de excelência. Para regressar ao futebol português teria de ser para um clube desta dimensão, no qual a administração tem um projeto, missão e visão bastante interessantes».

O novo diretor desportivo do Famalicão promete «aportar alguma da minha experiência a uma estrutura já de si forte», considerando que o clube «tem os ingredientes necessários para chegar ao topo do futebol português e para ser visto como um exemplo de como se pode trabalhar bem em termos de sustentabilidade financeira e de sucesso desportivo».