Jogo entre Belenenses SAD e Benfica termina aos 48 minutos por falta de jogadores (0-7)

O encontro entre o Belenenses SAD e o Benfica terminou aos 48 minutos, por os ‘azuis’ terem ficado sem o número mínimo de futebolistas, depois de ter começado apenas com nove, devido a um surto de covid-19.

Depois de ter entrado com apenas nove jogadores para o início da partida da 12.ª jornada, os ‘azuis’ recomeçaram com apenas sete após o intervalo, com a lesão de um elemento a obrigar ao fim do encontro.

Aquando da final antecipado, o Benfica vencia por 7-0, com golos de Kau (01 minuto), na própria baliza, Seferovic (14 e 39, de grande penalidade), Weigl (27), Darwin (32, 34 e 45), naquele que foi o jogo 600 de Jorge Jesus na I Liga.

FC Famalicão “em alerta” com o momento do FC Porto

“Não há duas sem três”, diz o ditado e o FC Famalicão quer que se cumpra, este sábado, diante do FC Porto. O conjunto famalicense vem de duas vitórias seguidas, tem os níveis de confiança elevados, mas o adversário é o terceiro classificado do campeonato e joga em casa. O facto do FC Porto vir de duas derrotas consecutivas não sossega o treinador Armando Evangelista. Pelo contrário. «Estão em alerta máximo e isso pode dificultar a tarefa do FC Famalicão», disse na conferência de imprensa. Por isso, dentro da estratégia montada para este jogo, que o técnico famalicense não revela, está a consciência de que é preciso estar em constante alerta.

Sabe que não vai contar com Chiquinho nem com Riccieli, que têm sido titulares e influentes na equipa, mas não valoriza em demasia isso, porque reconhece que é uma oportunidade para outros mostrarem o seu valor, «sedentos que estão de mostrarem as suas qualidades».

Armando Evangelista vai com ambição ao Dragão, ainda sem pensar no jogo de terça-feira, diante do Sporting, em casa, para acertar calendário. Em sete jornadas que faltam, o FC Famalicão enfrenta os três “grandes”, mas o técnico prefere pensar num jogo de cada vez e não em posições na tabela classificativa. «Temos três jogos com adversários fortíssimos, mas estamos focados em sermos competitivos e que a equipa continue a crescer de mão dada com o crescimento do clube», sublinhou.

Recorde-se que está à frente do clube há apenas dois jogos, tempo que considera insuficiente para que os jogadores tenham assimilado todas as ideias de jogo. Sobre a posição do clube no final do campeonato também não traça objetivos, mas compreende a ambição interna e reconhece a necessidade da competitividade da equipa acompanhar o crescimento do clube no futebol português.

A partida entre o FC Porto e o FC Famalicão está marcada para as 18 horas deste sábado, no Estádio do Dragão.

Foto: FC Famalicão

Famalicão: Francisco Moura garante que a equipa vai com confiança ao Dragão

Francisco Moura transmitiu aos adeptos do FC Famalicão uma mensagem positiva sobre o próximo jogo, no sábado, no Estádio do Dragão, frente ao FC Porto, às 18 horas. Garante que a equipa vai lutar pelos três pontos e pela terceira vitória consecutiva no campeonato. «Vai ser um jogo difícil porque temos pela frente um grande clube, mas temos atributos para conseguir competir. Se tivermos coragem e audácia e quisermos ganhar, as coisas acabarão por nos ser favoráveis», exprimiu o atleta, em declarações às redes sociais do FC Famalicão.

O defesa esquerdo sente que a equipa tem vindo a crescer e «está a assimilar as ideias do mister. Tivemos pouco tempo (com Armando Evangelista), mas é sempre melhor jogar sobre vitórias. Estamos a crescer como equipa e isso é bom para nós», sublinhou.

Francisco Moura falou também da sua carreira individual, há dois anos ao serviço do “Fama”, depois do SC de Braga. «Sinto que tenho vindo a crescer de jogo para jogo, a fazer jogos com regularidade e isso tem sido importante para mim», analisa. «É uma tática diferente. No SC Braga atacava mais. Tive que mudar um pouco o meu jogo, ser melhor a defender e sinto que estou melhor nesse aspeto», notou, agradecendo à equipa o contributo ao seu próprio crescimento individual como jogador. Deixou também uma palavra de apreço aos adeptos do FC Famalicão e à direção do clube, pelo esforço em criarem condições para o bem-estar dos atletas. «Quando cheguei não tinha tantas condições. Tem evoluído bastante, porque as pessoas à frente do clube têm feito um grande trabalho», conclui, mas com o desejo de ver o FC Famalicão crescer ainda mais.

Foto: FC Famalicão

Famalicão: Agrupamento 445 de Cabeçudos organiza torneio de futebol

O Agrupamento 445 de Cabeçudos vai organizar um torneio de futebol com outros agrupamentos escutistas para angariar fundos para os caminheiros. Está programado para o dia 13 de abril, este sábado, nas instalações do Sporting Clube Cabeçudense. Decorrerá durante todo o dia, desde as 9 horas, com entrega de prémios às 17h45.

O torneio é aberto ao público, a receita provém do bar, com venda de panados, bifanas, bebidas e muito mais.

Famalicão: Equipa sub-17 do FAC joga em Barcelos

A equipa sub-17 de hóquei em patins do FAC prossegue, este sábado, com a luta no campeonato nacional, 2.ª fase zona Norte. O conjunto famalicense joga às 15 horas, em Barcelos, com o Óquei Clube local.

Com três jornadas disputadas, o conjunto famalicense soma 7 pontos, a dois dos líderes, Oliveirense e Valongo.

O Óquei Clube de Barcelos (sem pontos) ocupa o último lugar.

Foto: FAC (Arquivo)

Famalicão: 1.º de Maio vai a votos no dia 27 de abril

A Associação Desportiva 1.º de Maio vai a eleições no dia 27 de abril, entre as 14 e as 20 horas. A tomada de posse dos órgãos sociais está marcada para o dia 1 de maio, às 18 horas.

As listas terão de apresentar candidatos para todos os cargos gerentes e deverão ser entregues em duplicado ao presidente da Assembleia Geral com a antecedência mínima de 72 horas sobre a data e hora da Assembleia Geral Eleitoral.

Só podem ser candidatos os sócios com mais de 18 anos de idade, com pelo menos um ano de associados e que não tenham qualquer pena disciplinar.

Atletas do Famalicão visitam Lameiras

Quatro jogadores do FC Famalicão cumpriram, esta semana, mais uma jornada de convívio junto da comunidade, particularmente com os mais novos.

Zaydou e Sorriso, do plantel sénior, e Neuza Besugo e Carolina Pocinho, da equipa principal feminina, visitaram o Centro de Atividades de Tempos Livres da Associação de Moradores das Lameiras.

Os quatro atletas levaram algumas lembranças, deram (muitos) autógrafos e estiveram à conversa com as crianças. Foram, ainda, recebidos pelo presidente da instituição, Jorge Faria.

Fotos: FC Famalicão,