Joane: Presidente da Junta alerta para atentado ao património

Numa publicação na página pessoal do facebook, António Oliveira, presidente da Junta de Freguesia de Joane, dá conta de um atentado contra o património e a história da localidade.
António Oliveira lamenta que «pessoas sem consciência e respeito pela nossa história têm danificado alguns símbolos», dando como exemplo um marco de Bragança.
O autarca pede respeito pelo património, assumindo que «nós somos o que resulta das nossas memórias e antepassados»

Um marco de Bragança é um bloco monolítico de granito, cuja função se relacionava com a demarcação das propriedades (terras), cujo domínio era da “Sereníssima Casa de Bragança”, numa altura em que esta dinastia ocupava o trono real.