Iniciativa Liberal diz que acordo PSD/CDS em Famalicão é “trampolim político”

O núcleo local da Iniciativa Liberal reagiu à formalização da coligação PSD/CDS-PP, dizendo que é mais uma candidatura «do “centrão”, dos interesses e clientelismos de um projeto que pretende fazer da Câmara e dos munícipes mais uma porta-giratória e trampolim político; em vez de um projeto de serviço e defesa dos interesses municipais».

A Iniciativa Liberal, que ainda não apresentou candidato, diz que é necessária uma alternativa diferente para o futuro de Vila Nova de Famalicão, que seja «arrojada, com ideias novas e com candidatos descomprometidos e sem passado de ligações clientelares; uma alternativa para quem está farto de “mais do mesmo”, mas sem cair nos desvarios populistas e extremistas».

Em nota à imprensa, diz que é preciso reduzir os encargos fiscais para todos, dar maior atenção ao investimento privado, reduzir a despesa e melhorar o aproveitamento dos recursos humanos ao serviço da Câmara, defender o ambiente e valorizar o património.