Incidência da variante britânica em Portugal é de 49 por cento

«Há uma incidência muito elevada da variante britânica em Portugal, de 49%», anuncia António Costa e «tudo recomenda que adotemos a maior prudência».

Na conferência de imprensa que está a decorrer, o primeiro-ministro avisou que, até final de março, não será alcançada a vacinação dos grupos de risco, assumindo que pode chegar a 80% das pessoas com mais de 80 ano. «Ainda estamos longe do momento em que podemos considerar os grupos de maior risco protegidos com a vacinação», considerou António Costa.