Hospitais privados efetuaram mais de 15 mil cirurgias a doentes do SNS

Em 2020, os hospitais privados efetuaram 15.284 cirurgias a doentes do SNS, ao abrigo do programa de redução de listas de espera, revelou a Associação Portuguesa de Hospitalização Privada.

«Durante o ano de 2020, penso que a colaboração ficou aquém daquilo que era possível e aquém daquilo que os hospitais privados estavam disponíveis para pôr ao serviço dos portugueses. Quem decidiu, tinha poder para decidir e terá decidido com os elementos que tinha. Quem sou eu para discutir se não decidiu bem, mas a verdade é que nós tínhamos mais capacidade», afirmou o presidente da Associação, Óscar Gaspar, numa conferência de imprensa online.

Estes números do SNS a juntar aos doentes que procuram o serviço privado de saúde, dá um total de 167.809 cirurgias num ano, nos 119 hospitais privados do país.

Ainda assim, os números foram inferiores aos de 2019 porque houve muita atividade que ficou por realizar devido à pandemia, revela a Associação Portuguesa de Hospitalização Privada.

Nos hospitais privados foram realizadas cerca de 6,256 milhões de consultas de especialidade, «são cerca de 17 mil consultas por dia», contabiliza Óscar Gaspar, presidente da Associação, que salientou também os 820.470 episódios de urgência e os 11.943 partos realizados nas unidades privadas e as mais de 531 mil ‘diárias’ (internamentos).