Concelho

Greve dos trabalhadores da IP afeta comboios em Famalicão

Os comboios vão estar em serviços mínimos esta segunda-feira devido a greve.

A Infra-estruturas de Portugal (IP), empresa que gere a ferrovia, anunciou  em comunicado «fortes perturbações» para quem quiser andar de comboio, isto depois dos trabalhadores das empresas do grupo IP decidiram fazer uma greve em defesa de aumentos salariais imediatos de cerca de 4% já que dizem não ter aumentos desde 2009.

Desta forma para as ligações Braga apenas se vão realizar três viagens do serviço Alfa-Pendular e uma para Guimarães.

Já no que diz respeito ao serviço de comboios urbanos da CP, a Linha de Braga vai contar com oito comboios a chegar à cidade vindos do Porto, ao contrário vão ser seis que vão ligar Braga ao Porto. Para Guimarães vão ser quatro comboios a circular em cada sentido.

A greve na IP vai afectar também o serviço regional da CP, nomeadamente a linhas do Minho.

Recorde-se que o Tribunal Arbitral definiu serviços mínimos para o transporte ferroviário durante a greve marcada para segunda-feira na Infraestruturas de Portugal, para garantir 25% da circulação em Lisboa e no Porto, e nos comboios alfa, intercidades e internacionais.

Para os clientes que tenham bilhetes adquiridos para viajar em comboios dos serviços Alfa Pendular, Intercidades e Regional que não se realizem devido à greve, a CP informou que vai permitir o reembolso do valor total ou a revalidação para outro dia ou comboio.

Previous post

Gisele deverá ser a próxima tempestade a partir de 4ªfeira

Next post

SEF deteve brasileiro procurado por homicídio