GNR e SEF apanham 34 imigrantes ilegais em empresas de Famalicão e Trofa

GNR e SEF apanham 34 imigrantes ilegais em empresas de Famalicão e Trofa

O Comando Territorial de Braga, através do Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial de Barcelos, detetou 34 imigrantes, em situação ilegal, a trabalhar em empresas nos concelhos de Vila Nova de Famalicão e Trofa.

A GNR levou a cabo uma operação conjunta com o Serviço Estrangeiros e Fronteiras (SEF) de Braga e com a Autoridade para as Condições de Trabalho (ACT), a qual visou vária empresas suspeitas de prestarem auxílio à emigração ilegal, nomeadamente, com origem em asiáticos, como o Paquistão e India.

Da operação resultou a identificação de 34 indivíduos de nacionalidade estrangeira, dos quais, dois foram detidos por permanência ilegal em território nacional, seis foram notificados para abandonar o país voluntariamente e os restantes foram notificados para comparecerem nos serviços do SEF de Braga para regularização da situação.

Os detidos que serão presentes amanhã, dia 16 de fevereiro, no Tribunal Judicial de Famalicão.

Most Popular Topics

Editor Picks