Concelho

Fim-de-semana agridoce para a Team Transfradelos

Apesar do excelente arranque na Baja TT Gondomar – Rota do Filigrana, a dupla Tiago Reis / Valter Cardoso acabou por não ser feliz na prova nortenha, uma vez que se viu forçada a desistir com problemas no motor do Mitsubishi Evolution Racing Lancer. Avelino Reis, de regresso à competição, levou o seu Toyota Rav4 ao nono lugar da Geral.

A representar a Team Transfradelos, Tiago Reis chegou a esta prova motivado pelo segundo lugar que ocupava na tabela classificativa, à entrada para a quarta prova do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno. Essa motivação veio ao de cima logo no primeiro dia de competição, com Reis a iniciar a prova da melhor forma, alcançando dois segundos lugares na dupla passagem pelo Prólogo. “Começámos bem e estávamos no bom caminho. Conseguimos ser rápidos no Prólogo mas sabíamos que as grandes dificuldades estavam guardadas para domingo”, começou por explicar Tiago Reis.

Contudo, o segundo dia não começou da melhor forma. A dupla Tiago Reis / Valter Cardoso deu um pequeno toque no primeiro setor seletivo que fez com que perdesse muito tempo. Os problemas com o Mitsubishi mantiveram-se na especial da tarde e a dupla acabaria mesmo por desistir com o motor a não resistir à dureza da prova organizada pelo GAS – Gondomar Automóvel Sport. “As corridas são mesmo assim. Demos um ligeiro toque na SS1 que afetou o nosso carro e nos impediu de discutir a vitória. A próxima corrida é apenas em setembro e temos tempo para nos preparar da melhor forma e voltar mais fortes”, disse Reis.

Por seu lado, Valter Cardoso mantém a moral elevada apesar do abandono: “Estávamos motivados para esta prova e mesmo depois do ligeiro toque, e do tempo perdido, regressámos com vontade de vencer o segundo setor seletivo e mostrar bom andamento. Infelizmente não foi possível. Agora temos de começar a trabalhar para que a próxima prova decorra sem percalços.”

Apesar do prematuro abandono, e de não somar pontos pela primeira vez esta temporada, este acaba por não ser um mau fim-de-semana nas contas do campeonato, uma vez que o piloto famalicense apenas cai uma posição na tabela classificativa, mantendo-se na discussão pelos lugares da frente para o que resta cumprir na competição organizada pela Federação Portuguesa de Automobilismo e Karting.

Por outro lado, esta prova marcou o regresso de Avelino Reis à competição. Inscrito na categoria T8, o patriarca da família Reis levou o seu Toyota Rav4 até final, terminando os mais de 270km cronometrados na quarta posição da sua categoria, nono classificado à geral. Um excelente regresso para Avelino Reis que nesta prova foi navegado por Jorge Lopes. “O resultado era o menos importante. Vim aqui para me divertir e estou contente com a minha prestação. É um sentimento agridoce porque gostava que o Tiago também tivesse conseguido um bom resultado”, afirmou Avelino Reis.

O próximo desafio da Team Transfradelos é a Baja TT Idanha-a-Nova, agendada para os dias 16 e 17 de Setembro, com organização da Escuderia de Castelo Branco.

Previous post

Pedro Fernandes estabelece recorde nacional

Next post

CRC com bons resultados

Cidade Hoje