Concelho

Filipe Brito sobe ao pódio na prova internacional UCI Pretorian Bike Race

O atleta famalicense Filipe Brito da equipa NORTADA/AGGELOS/FAMABIKE, terminou em grande destaque o Pretorian Bike Race, prova de categoria internacional UCI que se disputou, em Vila Pouca de Aguiar, com a presença de atletas internacionais de 16 países, assim como vários atletas do concelho, como Joana Monteiro, José Rodrigues, Benjamim Silva, entre outros.

Filipe Brito disse que a prova “não foi fácil, de todo, para mim e também saio de lá com um sabor amargo, por tudo! As condições climatéricas estragaram quase tudo, chuva, frio, neve, enfim…Excelente organização que esteve à altura deste enormíssimo evento internacional UCI e todos sabemos que não é fácil trazer um evento desta envergadura para o nosso país. Estiveram 16 países representados no Pretorian Bike Race! A preocupação da organização foi colocar, sempre, a segurança dos atletas em primeiro lugar, vi isso de perto e isso diz tudo! A primeira etapa, de sexta -feira, decorreu com um intenso frio e chuva, o tempo esteve horrível mas a etapa foi concluída. No inicio da noite e durante a madrugada as condições agravaram-se, com muita queda de neve acima dos 700 metros, não houve condições para a etapa principal ser realizada. Só para terem noção a altimetria ia acima dos 1.000 metros, não estavam reunidas as condições de segurança mínimas (risco de quedas, hipotermia, etc.) e as estradas estavam inacessíveis até para as equipas de abastecimento e salvamento. Em reunião de comissários, com a organização e a força policial foi decidido alterar a etapa dos 82 km para um novo contra-relógio, semelhante e no mesmo percurso do primeiro dia, aumentando substancialmente a dificuldade e a quilometragem. Com expectativas da melhoria do tempo, foi decidido manter a terceira etapa, reduzindo a quilometragem e eliminando a zona de cota máxima, que seriam os 1.100 metros. A partida foi alterada para as 10 horas e tudo corria dentro da normalidade até que por motivos alheios à organização, a frente da corrida perdeu-se, inclusive eu também (por distracção minha) mas voltei a trás e segui novamente o percurso até à linha de meta, onde vim a saber que a corrida tinha sido anulada/boicotada/colocada em stand by ou o que quiserem chamar porque houve pessoal que se perdeu e não retomou a corrida gerando uma imensa confusão junta da ZA 2 segundo depois vim a saber. Nestas circunstâncias e porque pouco haveria a fazer, o colégio de comissários decidiu anular a etapa de domingo. Mesmo na insatisfação (genuína) de quem efectuou todo o percurso, os prémios foram atribuídos tendo em conta os dois contra-relógios de sexta e sábado. Pessoalmente tinha boas expectativas, além de me divertir, tenho-me sentido bem com a minha condição física actual e esperava bons resultados. É verdade que obtive um excelente lugar classificativo tendo conta os adversários mas soube a pouco… por causa de tudo. É um facto que eu e o frio intenso não nos damos bem mas nunca me tinha sentido assim, parecia que tinha pedra nos pés e pernas de tão inchados devido ao frio, minha nossa!”, disse o atleta.

Previous post

Bombeiros encontram homem morto no fundo do rio

Next post

“Fado no Café da Casa”

Cidade Hoje