Famalicense procurado pela polícia espanhola é detido quando tentava tirar passaporte

Um cidadão famalicense, de 45 anos, foi detido em Cabeceira de Bastos, quando tentava tirar o passaporte. Isto aconteceu porque o cidadão em questão estava a ser procurado pela polícia espanhola, devido a uma tentativa de homicídio de um cidadão do país vizinho.

O suspeito foi detido pelos inspetores da delegação de Braga do SEF e aguarda na cadeia a decisão de extradição pedida pela justiça espanhola.

O detido, natural e residente em Famalicão, passou os últimos dez anos entre a cadeia e a fuga às autoridades. Em 2015 saiu, numa precária, da cadeia de Santa Cruz do Bispo, onde cumprira pena por tráfico de estupefacientes, e não voltou. Foi apanhado quatro anos depois à porta de um café em Celorico de Basto. Estava com um Porsche Panamera onde tinha cem mil euros em dinheiro, alegadamente do tráfego de droga. Voltou para a cadeia, de onde saiu em novembro de 2020.

Em liberdade há dois meses, era procurado pelas autoridades espanholas, que tinham emitido um mandado de captura internacional, devido à suspeita de tentativa de homicídio.