Famalicão: Tratave assume descarga no Rio Ave em Pedome

O tubo que é visível no vídeo acima, sobre uma descarga no Rio Ave, na zona de Pedome, sabe-se, agora, que foi colocado pela Tratave e não pela empresa Tons Púrpura S.A. como assumido pela população local. O empresário Paulo Pereira, administrador da empresa citada, já tinha negado ser o autor desta descarga.

Em comunicado, a Tratave esclarece que realizou no dia 8 de março (durante cerca de seis horas) uma intervenção na entrada da ETAR de Serzedelo II; uma obra planeada e comunicada à APA – Agência Portuguesa do Ambiente.

No entanto, a empresa Tratave defende que o impacto ambiental no rio foi reduzido. Como se tratou de uma obra calculada, foi pedido aos clientes industriais para reterem as águas residuais nos tanques de armazenamento e a Tratave realizou diversos cortes ao longo de toda a rede. O dia escolhido também teve em consideração o caudal do rio, razão pela qual foi feita a intervenção nesta altura do ano.

O diretor geral da Tratave, em declarações à Cidade Hoje, adiantou que a obra em causa «era imprescindível para garantir o correto funcionamento da instalação». Adiantou, ainda, que a não realização desta intervenção poderia ter consequências «gravíssimas» a curto-prazo, tais como a degradação do equipamento de elevação e a paragem não programada que poderia ocorrer em períodos de seca e por tempos mais prolongados.