Famalicão: PJ deteve mulher suspeita de matar Joaquim Costa, em Oliveira S. Mateus

Quase um ano depois, a Polícia Judiciária de Braga deteve uma mulher, de 45 anos, suspeita de matar Joaquim Costa, de 49, encontrado morto a 23 de julho de 2020, na sua residência, em Oliveira S. Mateus.

O empresário era dono de uma empresa têxtil que funcionava na habitação onde foi encontrado, numa poça de sangue.

A casa estava remexida e a porta do cofre aberta.