Famalicão: Obras de melhoramento na Central de Camionagem vão atrair mais utentes para o transporte público

O presidente da Câmara acredita que o melhoramento de condições de conforto na Central de Camionagem trará mais utentes para o transporte público de passageiros. «Sabemos que o uso do transporte público depende também das suas condições – do conforto, dos horários e das centrais que se querem locais de espera confortáveis e com segurança – e, por isso, acredito que depois desta obra haverá um melhor aproveitamento do transporte público em Famalicão», sublinhou.

Paulo Cunha visitou as obras no dia 13 de novembro, sexta-feira, que estão a cargo da empresa Costeira, pelo valor de três milhões de euros, sendo que 2,5 milhões foram cofinanciados pelo Norte 2020, através do Fundo Regional de Desenvolvimento Regional.

A empreitada na Estação Rodoviária de Passageiros (como é denominada) deverá ficar concluída dentro de um ano, altura em que apresentará uma imagem muito diferente. Entre as várias intervenções destaque para a colocação de uma nova cobertura no cais e frente sul da estrutura; a remodelação das áreas de comércio e serviços, com a reformulação de montras e libertação da área de acesso ao cais de embarque; a colocação de apoios para o estacionamento de bicicletas e de novo mobiliário; a conceção de sinalética, de acordo com a nova imagem concebida para a central; a reorganização das bilheteiras, concentrando a venda de todas as viagens no mesmo balcão; e a abertura de uma sala de estudo.

«Será muito mais que uma mera Central de Camionagem», explicou Paulo Cunha, adiantando que as intervenções que estão a decorrer no interior «vão criar condições para que o serviço de transporte possa ser proporcionado como é devido, mas também para que este espaço ganhe outra dimensão, com outros serviços e valências», apontou o autarca.

Recorde-se ainda que esta é uma infraestrutura que já conta com 28 anos – foi inaugurada em 1992. Com esta requalificação irá beneficiar de um conjunto de melhoramentos, tendo em vista a criação de um espaço mais moderno, multifuncional e mais confortável e cómodo para os passageiros. Um dos objetivos é incentivar a utilização dos transportes públicos, reforçando-se a articulação com a Estação Ferroviária de passageiros.