Famalicão: Jorge Paulo Oliveira exige intervenção na Avenida 9 de Julho

Jorge Paulo Oliveira, deputado famalicense, dirigiu-se hoje, dia 3 de fevereiro, ao Ministro das Infraestruturas e Habitação denunciando a falta de manutenção na Avenida 9 de Julho. Este acusa ser uma circunstância que se arrasta há vários anos. “O piso está muito degradado, tem vários buracos ao longo da sua extensão, as marcações no piso estão a desaparecer, a iluminação pública está inativa em partes da via, as passadeiras não são percetíveis, sobretudo à noite e a sinalização rodoviária vertical está deteriorada”.

Jorge Paulo Oliveira, esclarece o ministro das Infraestruturas, Pedro Nuno Santos, que a Avenida 9 de Julho, que integra a N204, e estando sob a responsabilidade da “Infraestruturas de Portugal, não foi alvo de intervenção ao contrário de toda a extensão da N204 que liga Barcelos a Famalicão. Esta mesma intervenção na via pública terminou na “Rotunda do Marco”. O mesmo aconteceu com a restauração levada a efeito na N206 que igualmente se iniciou na “Rotunda do Marco”, mas apenas em direção à Póvoa de Varzim

O deputado acrescenta que “no ano passado, a Avenida 9 de Julho ficou marcada pela sua elevada sinistralidade, com inúmeras colisões de viaturas, atropelamentos de peões e abalroamento de ciclistas, dos quais resultaram perda de vidas humanas e vários feridos graves”.

Apesar do clamor das populações e dos sucessivos alertas e solicitações de intervenção por parte dos autarcas, Jorge Paulo Oliveira pede ao Governo que justifique a exclusão da Avenida 9 de Julho, na intervenção que foi levada a efeito na N204 e que esclareça quando é que a mesma terá lugar.