Famalicão: Fundação Cupertino de Miranda apresenta Torre Literária e o livro “O Cânone”

A Fundação Cupertino de Miranda inaugura no dia 18 de outubro, às 18 horas, a exposição Torre Literária – Louvor e Simplificação da Literatura Portuguesa. Trata-se de um espaço expositivo dedicado à literatura portuguesa, da responsabilidade de António Feijó, João R. Figueiredo e Miguel Tamen.

São estes também os autores do livro “ O Cânone”, com 365 páginas, que será lançado esta quarta-feira, dia 14.

O livro “O Cânone” contém referências a 50 autores da Literatura Portuguesa e opiniões sobre autores portugueses. «Não é um dicionário ou um guia neutro para a história da literatura portuguesa: é um livro de crítica literária para nos fazer pensar sobre a literatura portuguesa», referem os autores deste projeto.

A apresentação será feita em Lisboa e no Porto, com transmissão via facebook da Fundação Cupertino de Miranda e da Edições Tinta-da-China. Não é permitida a presença de público.

Esta quarta-feira, dia 14, às 18 horas, no Jardim Botânico Tropical de Lisboa, com apresentação do humorista Ricardo Araújo Pereira. No dia 15, quinta-feira, às 18 horas, no Porto, com transmissão a partir da Casa de São Roque, no Porto, com apresentação de Pedro Sobrado, presidente do conselho de Administração do teatro Nacional São João.

A partir do dia 16 de outubro, sexta-feira, já poderá adquirir o livro “O Cânone” na loja/livraria da Fundação Cupertino de Miranda. Há 10% na campanha de lançamento.