Famalicão: “Estórias de Villa” agora em livro

Há livros que são usados como argumento de filme; “Estórias de Villa” é nome de filme, exibido em 2018, que passou a livro com o mesmo nome. A autoria continua a ser do famalicense João Pedro Castro, que usou o papel para dar largas à imaginação que ficou patente no filme.

A apresentação estava marcada para este sábado, dia 17, mas devido ao Estado de Calamidade foi adiada ainda sem data. Será, como estava previsto, no Museu do Automóvel Antigo de Famalicão, um dos locais usados no filme. A apresentação será de Armindo Vilaça.

Aliás, filme e livro são projetos muito famalicenses, da conceção à realização. A autoria é de João Pedro Castro, muitos dos atores eram famalicenses e a ilustração do livro é de David Vieira de Castro.

Há outros elementos aglutinadores e que unem livro e filme. Um deles é a história. O livro mantém a mesma: o sonho de uma pessoa de meia-idade, com crítica social à mistura e muito humor. «No livro consegue-se desenvolver os temas pertinentes com mais liberdade e intensidade», revela o autor, evidenciando que o filme é menos pessoal porque tem muito daquilo que os atores colocam no projeto cinematográfico.

Apesar da apresentação do livro ter sido adiada, é possível adquiri-lo através da página do facebook de “Estórias de Villa” ou na papelaria/quiosque “Pip´s Bazar”, na Avenida 25 de Abril.